0

Rakitic elogia Modric e não garante continuidade na seleção croata após a Copa

Estreia da Croácia no Mundial será no sábado, às 16h, diante da Nigéria

14 jun 2018
14h46
  • separator
  • comentários

A Croácia conta com uma dupla talentosa no meio campo para fazer uma boa campanha na Copa do Mundo da Rússia. Rivais no Campeonato Espanhol, Ivan Rakitic, do Barcelona, e Luka Modric, do Real Madrid, comandam a equipe que tenta quebrar um tabu de 20 anos sem vitórias em estreias.

Rakitic elogiou o seu companheiro no meio campo. "É uma honra jogar com ele e estou feliz por isso", disse o meia do Barcelona em entrevista coletiva nesta quinta-feira. "É importante que trabalhemos em equipe. Temos um desejo em comum, que é vencer pela Croácia", acrescentou.

A primeira partida da caminhada croata no Mundial da Rússia será contra a Nigéria, no próximo sábado, às 16 horas (de Brasília), na Arena Kaliningrado. Rakitic está confiante em uma vitória no jogo inicial, que não ocorre desde 1998, na França, quando os croatas conquistaram o terceiro lugar, sua melhor participação em Copas.

"Sabemos da importância de ganhar o primeiro jogo do torneio. Temos de fazer todo o possível para ganhar da Nigéria, que é um rival perigoso. Temos de estar atentos e sermos dominantes em todos os jogos. Todos estão confiando em nós e nós estamos confiantes", comentou o meia.

Rakitic, que está na seleção croata desde 2009, pode jogar o torneio pela última vez. Ele não garantiu sua permanência na seleção após a Copa da Rússia, mas disse que pensará com calma em seu futuro.

"Estou na equipe há 11 anos e passamos muitas coisas juntos. Compartilharei com minha família e as pessoas da Federação Croata de Futebol a minha decisão. Sem nervosismo veremos o que é melhor para a equipe, e não para mim pessoalmente", afirmou o jogador.

Estadão Conteúdo

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade