PUBLICIDADE

Futebol Internacional

River Plate ganha do Libertad e lidera Grupo H da Libertadores

Time argentino tem 100% de aproveitamento na competição continental

24 abr 2024 - 23h28
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Norberto Duarte/AFP via Getty Images - Legenda: Gol da vitória riverista só saiu aos 35 minutos do segundo tempo / Jogada10

A trajetória do River Plate na Libertadores 2024 segue intacta. Em visita ao Libertad, no Paraguai, o clube argentino passou problemas, mas venceu por 2 a 1 e chegou aos nove pontos em nove disputados. O Nacional é o segundo colocado, com seis, enquanto Libertad (três) e Deportivo Táchira, zerado, completam o Grupo H.

Os paraguaios até tentaram certo sufoco nas primeiras movimentações, em muito, empurrados pela empolgação do torcedor. Na passagem desse período, o que se viu foi uma crescente riverista até que, aos 12 minutos, a rede chegou a ser balançada por intermédio de Borja. Contudo, a revisão do Árbitro de Vídeo anotou impedimento do centroavante colombiano.

No avanço da primeira etapa, o ritmo de subidas do River acabou naturalmente reduzindo pela questão física. Entretanto, isso não mudou o fato de que as melhores chances continuaram sendo dos argentinos. Assim, a superioridade finalmente virou vantagem aos 36 minutos na bonita trama onde Rodrigo Aliendro cruzou rasteiro e Pablo Solari completou, tirando de Rodrigo Morínigo.

Antes do intervalo, mesmo sem tantas oportunidades, os donos da casa usaram a bola aérea para deixar tudo igual aos 40. Em cobrança de escanteio vinda da esquerda, Matías Espinoza ganhou de toda a marcação e testou firme, no canto esquerdo de Franco Armani.

Juventude providencial

Diferente do primeiro tempo, o Gumarelo se mostrou mais ativo no plano de ataque e, principalmente, capaz de reter a posse por mais tempo no setor ofensivo. Algo que, naturalmente, forçou o River a cuidar com maior atenção das imediações de sua grande área.

Aos poucos, o River Plate foi ajustando o posicionamento e sendo capaz de sair em velocidade para buscar jogadas de transição rápida com o intuito de se aproveitar das linhas mais altas do seu oponente.

Apesar da iniciativa, foi em uma trama de passes mais cadenciada que os argentinos fizeram o tento da vitória com Franco Mastantuono. Com 35 minutos, a bola caiu nos pés do camisa 30 que puxou pra perna direita e bateu cruzado, fugindo do alcance de Morínigo. Foi o primeiro gol da cria da base riverista como profissional.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Publicidade