PUBLICIDADE

Seleção da Euro tem 5 italianos e fica sem Cristiano Ronaldo

Em eleição da Uefa, campeões Donnarumma, Bonucci, Spinazzola, Jorginho e Chiesa foram escolhidos para compor o time ideal da competição

13 jul 2021 10h48
| atualizado às 16h20
ver comentários
Publicidade

A Uefa divulgou nesta terça-feira a seleção da Eurocopa, encerrada no último domingo. Campeã após vencer a Inglaterra na disputa por pênaltis, no estádio de Wembley, em Londres, a Itália colocou cinco representantes entre os 11 melhores jogadores da competição.

O time ideal desta edição, adiada de 2020 para 2021 por causa da pandemia do novo coronavírus, não contou com os artilheiros Cristiano Ronaldo e Patrik Schick, que marcaram cinco gols cada nesta edição do torneio. O português e o checo foram eliminados com suas seleções nas oitavas e nas quartas de final, respectivamente.

Brasileiro naturalizado italiano, o volante Jorginho é um dos jogadores campeões na seleção. Além do meio-campista do Chelsea, foram eleitos o goleiro Gianluigi Donnarumma (melhor jogador da Eurocopa), o zagueiro Leonardo Bonucci, o lateral-esquerdo Leonardo Spinazzola e o atacante Federico Chiesa.

Derrotada pela Itália na final em Wembley, a Inglaterra está representada pelo lateral-direito Kyle Walker, o zagueiro Harry Maguire e o atacante Raheem Sterling na equipe ideal nesta eleição da Uefa.

O volante dinamarquês Pierre-Emile Hojbjerg, o meia espanhol Pedri e o centroavante belga Romelu Lukaku completam a seleção da Eurocopa, que ficou assim: Donnarumma (Itália); Walker (Inglaterra), Bonucci (Itália), Maguire (Inglaterra) e Spinazzola (Itália); Hojbjerg (Dinamarca), Jorginho (Itália) e Pedri (Espanha); Lukaku (Bélgica), Chiesa (Itália) e Sterling (Inglaterra).

Cristiano Ronaldo foi um dos artilheiros da Eurocopa, mas ficou fora da seleção do torneio
Cristiano Ronaldo foi um dos artilheiros da Eurocopa, mas ficou fora da seleção do torneio
Foto: Mutsu Kawamori/Reuters

 

Estadão
Publicidade
Publicidade