4 eventos ao vivo

Luis Enrique se surpreende com físico do elenco e comenta saída do Barça

4 jan 2017
12h27
atualizado às 12h27
  • separator
  • comentários

Prestes a enfrentar o Athletic Bilbao pela Copa do Rei na primeira partida de 2017,  nesta quinta-feira, o técnico do Barcelona Luis Enrique se mostrou surpreendido com a forma física que seus jogadores retornaram após as férias de fim de ano. Se preparando para uma sequência dura de partidas, o treinador espanhol também falou sobre sua permanência na equipe catalã e sobre as dificuldades em ter um elenco forte para todas as competições.

"Todos tivemos muitos dias de férias. Mas isso não significa que não tenham se preparado. Todos continuaram com os treinos físicos. Estou impressionado de como chegaram. Voltaram melhor do que quando saíram", afirmou Lucho durante sua entrevista coletiva nesta quarta-feira.

Na atual temporada, o Barcelona tropeçou em algumas partidas e deixou o Real Madrid disparar na liderança do Campeonato Espanhol. Com isso, Luis Enrique passou a sofrer especulações da mídia europeia sobre sua saída da equipe.

"Quando tiver algo que comunicar, eu comunicarei. Mas não posso estar em um lugar melhor que o Barça. Se algo que aprendi esses anos no futebol é que o futuro não existe. Quando mais faço planos, pior saem as coisas. Melhor me concentrar no presente", colocou categoricamente o treinador de 46 anos.

Um dos nomes especulados no clube blaugrana, por sua vez, é o próprio comandante do Athletic Bilbao, Ernesto Valverde, adversário de longa data de Luis Enrique. "Talvez seja o treinador que eu enfrentei mais vezes. Inauguramos San Mamés quando eu estava no Celta. Gosto de sua ideia, seu caráter, sua maneira de ensinar. É lógico que vinculem seu nome ao Barça", acrescentou o treinador.

No dia 16 de setembro de 2013, quando ainda treinava o Celta de Vigo, Luis Enrique foi derrotado pelo Bilbao de Valverde por 3 a 2 no primeiro jogo oficial do Estádio San Mamés.

Entre Copa do Rei, Campeonato Espanhol e Liga dos Campeões, o Barcelona terá 11 partidas nos dois primeiros meses de 2017, colocando a prova a qualidade de seu elenco como um todo. "Para os objetivos que temos não precisamos de 11 jogadores e sim vinte e poucos. Temos que estar abertos à reforços e saídas. Estou contente com o elenco do começo, mas creio que ainda assim precisamos querer melhorar", completou.

A partida de volta da Copa do Rei, no Camp Nou, será na próxima quarta-feira, dia 11. Nos próximos dois meses, a equipe ainda jogará o primeiro duelo das oitavas de final da Liga dos Campeões contra o PSG, fora de casa, no dia 14 de fevereiro, além de confrontos contra Villarreal, Las Palmas, Eibar, Betis, Alavés, Leganés e Atletico de Madrid pelo Espanhol.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade