0

Real Madrid deve bater recorde de investimento nesta janela de transferências

25 mai 2019
14h51
atualizado em 27/5/2019 às 18h43
  • separator
  • comentários

Após uma temporada muito abaixo das expectativas, o Real Madrid se vê com a obrigação de ir em busca de reforços. Muitos nomes vêm sendo ventilados no clube espanhol, que, se concretizar duas ou três contratações das especuladas, provavelmente baterá seu próprio recorde de investimento em uma janela de transferências.

Neste sábado, o jornal Marca publicou um balanço dos maiores gastos merengues por temporada. O recorde, isolado, foi alcançado ainda na temporada 2009/2010, quando o foi anunciado um pacote estelar, formado por Cristiano Ronaldo, Kaká, Benzema, Xabi Alonso, Arbeloa e Raul Albiol. Ao todo, foram desembolsados 254 milhões de euros (R$ 1,45 bilhão na cotação atual).

Em apenas duas contratações, o Real Madrid já desembolsou 95 milhões de euros (quase R$ 430 milhões) visando a próxima temporada. Os reforços confirmados são os brasileiros Éder Militão (50 milhões de euros), do Porto, e Rodrygo (45), do Santos. Outro que está perto de ser anunciado é o atacante Jovic, do Eintracht Frankfurt, que deve custar cerca de 60 milhões de euros.

Contudo, o fator que deve alavancar de vez os investimentos desta janela de verão é a busca por um reforço de peso, que chegaria para preencher a lacuna deixada por Cristiano Ronaldo há quase um ano. Eden Hazard, do Chelsea, é o favorito para exercer o papel. Acontece que a pedida do clube inglês estaria girando em torno de 140 milhões de euros (mais de R$ 630 milhões), os quais, somados ao valor acumulado, já bateriam o recorde de 2009.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade