PUBLICIDADE

Paris Saint-Germain

Goleiro do PSG é feito refém em casa e tem mulher agredida por assaltantes

Alexandre Letellier é vítima de assalto em sua residência na madrugada desta terça-feira, na região de Yvelines

19 dez 2023 - 12h44
(atualizado às 13h21)
Compartilhar
Exibir comentários

Alexandre Letellier, terceiro goleiro do Paris Saint-Germain, foi vítima de um assalto violento entre a noite de segunda e a madrugada desta terça-feira, em sua casa na região de Yvelines. Durante o ato criminoso, sua mulher, Chloé, foi agredida no rosto por um dos assaltantes. "Muito obrigado pelas mensagens. Estamos bem fisicamente", escreveu ela mais tarde, no Instagram, depois que a notifica foi divulgada pela imprensa francesa.

Também estavam presentes no local os dois filhos pequenos do casal, de 2 e 6 anos. De acordo com o canal televisivo francês RMC Sport, assalto ocorreu por volta das 2 horas da madrugada, quando o goleiro e Chloé foram acordados pelo acionamento do alarme de segurança, que denunciava a entrada de invasores no jardim. Ao ouvirem o sinal, chamaram a polícia imediatamente.

Antes que os policiais chegassem, os quatro criminosos tiveram tempo de entrar na casa do jogador e fizeram a família refém. Eles portavam ao menos uma faca e exigiam dinheiro e joias dos donos da casa. Foi durante tal abordagem que um deles acabou batendo no rosto da mulher.

Quando a polícia chegou, conseguiu deter três dos quatro invasores, dois menores de 16 anos e um adulto de 21. O trio foi levado à Polícia Judiciária de Versalhes e devolveu vários dos itens roubados. Na cena do crime, foi encontrada uma faca, supostamente usada para ameaçar os moradores da casa. Um dos policiais que trabalharam no caso sofreu um ferimento no joelho.

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Publicidade