1 evento ao vivo

Botafogo busca empate com Água Santa, mas segue na lanterna do Paulistão

Time de Diadema saiu na frente com Dadá, e Valdemir empatou para a equipe de Ribeirão Preto

15 fev 2020
01h10
atualizado às 01h10
  • separator
  • 0
  • comentários

O Botafogo mostrou poder de reação ao buscar o empate por 1 a 1 diante do Água Santa, nesta sexta-feira, pela sexta rodada do Campeonato Paulista, no estádio Santa Cruz. No entanto, o clube de Ribeirão Preto continuou sem vencer e na lanterna.

Com o resultado, o Botafogo ficou na última posição da classificação geral, com dois pontos, contra quatro do Oeste, o primeiro fora da zona de rebaixamento. No Grupo B, praticamente não tem chances de avançar, já que o Santo André lidera com 15, contra dez do Palmeiras e nove do Novorizontino.

O Água Santa, por outro lado, perdeu a oportunidade de entrar na zona de classificação da sua chave. O time de Diadema é o terceiro do Grupo A, com cinco pontos, a um da Ponte Preta e a cinco do Santos. O Oeste tem quatro.

Sem se intimidar com o fator campo, o Água Santa mostrou comportamento mais centrado e envolveu o rival com certa facilidade. O placar foi inaugurado aos 28 minutos. Dadá, que entrou no lugar do lesionado Uéderson, dominou na entrada da área e deu um tiro certeiro para fazer 1 a 0.

O time de Diadema seguiu criando as melhores oportunidades e poderia ter saído de campo no primeiro tempo com um placar ainda mais elástico. Wallison Maia ficou com a bola dentro da pequena área e parou em um milagre de Darley.

O Botafogo, por outro lado, encontrou muita dificuldade para ameaçar o seu rival. O time paulista chegou uma única vez, já nos minutos finais. Victor Bolt disparou e arriscou de fora da área. A bola desviou em Wellington Tanque e foi para fora.

O panorama do segundo tempo mudou. O Botafogo acordou para a partida e conseguiu equilibrar as ações. Mas ambos os times sofreram em acertar o gol, tanto que a equipe mandante só foi conseguir aos 31 minutos. Valdemir ganhou a disputa com os zagueiros rivais e chutou com força para igualar o placar.

O gol animou o Botafogo, que empurrou o Água Santa para o seu campo de defesa. Aos 39 minutos, Naldo recebeu dentro da área e cabeceou para defesa do goleiro Giovanni, que salvou em cima da linha.

A equipe de Diadema não viu outra escolha, a não ser recuar para assegurar, ao menos, um ponto longe de casa. No entanto, reclamou muito no minuto final de um pênalti, após puxão de Gilson em Dinei. Thiago Duarte Peixoto mandou o jogo seguir.

Na sétima rodada, o Botafogo enfrentará a Inter de Limeira na próxima sexta-feira, às 16h, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto. No dia seguinte, o Água Santa receberá o Corinthians, às 15h, no Distrital do Inamar, em Diadema.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 1 X 1 ÁGUA SANTA

BOTAFOGO - Darley; Valdemir, Jordan Cordeiro, Didi e Gilson; Victor Bolt (Jonata Machado), Naldo e Rafinha; Diego Cardoso (Gabriel Calabres), Francis (Gustavo Henrique) e Wellington Tanque. Técnico: Wagner Lopes.

ÁGUA SANTA - Giovanni; Luis Ricardo, Andrés Robles, Walisson Maia e Abner Felipe; Wellington Reis, João Vitor e Luan Dias (Pio); Uéderson (Dadá), Felipe Azevedo (Robinho) e Dinei. Técnico: Pintado.

GOLS - Dadá, aos 28 minutos do primeiro tempo. Valdemir, aos 31 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Thiago Duarte Peixoto

CARTÕES AMARELOS - Didi, Gabriel Calabres, Jordan Cordeiro e Victor Bolt (Botafogo); Andrés Robles, Lucas Ricardo, Wellington Reis e Pintado (Água Santa).

RENDA E PÚBLICO - Não divulgados.

LOCAL - Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade