PUBLICIDADE

Campeonato Mineiro

América-MG vence quinto clássico consecutivo contra o Cruzeiro e segue 100% no Mineiro

4 fev 2023 - 18h51
(atualizado às 20h12)
Compartilhar
Exibir comentários

Invictos no Campeonato Mineiro, América-MG e Cruzeiro fizeram clássico na tarde deste sábado, pela terceira rodada, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF). Apesar do palco neutro, o jogo teve mando do Coelho, que venceu por 1 a 0. O único gol do confronto foi marcado por Henrique Almeida.

Foto: Fotos : Staff Images / Cruzeiro / Gazeta Esportiva

Assim, o time mandante segue com 100% de aproveitamento no estadual. Com nove pontos em três partidas, a equipe treinada por Vagner Mancini figura na liderança do Grupo B. Além disso, aumenta o bom retrospecto no clássico - são cinco vitórias consecutivas sobre o rival.

Por outro lado, a Raposa amarga a primeira derrota da temporada e permanece com quatro pontos, na segunda posição do Grupo C. Agora, está um atrás do líder Democrata.

Na próxima rodada, portanto, o América-MG visita o Athletic, às 20 horas (de Brasília) de terça-feira, no Estádio Joaquim Portugal, em São João Del Rei (MG). Um pouco mais tarde, a partir das 21h30, o Cruzeiro recebe o Pouso Alegre, na Arena Independência, em Belo Horizonte (MG).

O jogo entre América-MG e Cruzeiro

Após início de embate equilibrado, o Cruzeiro conseguiu abrir o marcador aos oito minutos, com Bruno Rodrigues. Nikão passou para o camisa 9 invadir a área, driblar o goleiro Matheus Cavichioli, cortar Iago Maidana na linha do gol e balançar a rede. No entanto, o atacante estava em posição irregular no início da jogada e o assistente anulou o tento, com a posterior confirmação do VAR.

O América-MG respondeu aos 32, com Aloísio. Após erro do goleiro Rafael Cabral na saída de bola, o centroavante recebeu livre na entrada da área, girou e bateu colocado, mas tirou demais e a bola saiu pela linha de fundo, à esquerda do gol.

Coelho decide na segunda etapa

Na volta do intervalo, a Raposa assustou outra vez aos oito minutos, desta vez da segunda etapa. Wesley recebeu nas costas de Nino Paraíba, cortou o lateral, limpou para a perna direita e bateu colocado, dentro da área. No entanto, também tirou muito e a bola saiu à esquerda do gol de Cavichioli.

A resposta do Coelho foi rápida. No minuto seguinte, Matheus Gonçalves recebeu na direita, invadiu a área, driblou dois marcadores, mas foi travado por Reynaldo na hora da finalização. Aos 11, Ricardo Silva cruzou para Henrique Almeida, que dominou e bateu forte, cruzado, em sua primeira jogada em campo. A bola, entretanto, saiu rente à trave do goleiro Rafael.

Pelo lado do Cruzeiro, Wesley seguia sendo o homem mais perigoso. Aos 15 minutos, o camisa 11 aproveitou sobra de chute de Nikão, travado pela defesa do América-MG, e, dentro da área, chutou de canhota, obrigando grande defesa de Cavichioli, que espalmou para escanteio.

Quando o relógio marcava 32 minutos, os mandantes conseguiram balançar a rede. Após erro de Reynaldo na saída de bola, o Coelho desceu em contra-ataque e Lucas Oliveira cortou mal cruzamento rasteiro da esquerda. A bola então sobrou para Henrique Almeida, que dominou, corta o marcador e bate com categoria para abrir o marcador no Mané Garrincha.

Por fim, aos 44 minutos, Matheusinho puxou contra-ataque para o América-MG pela direita, tabelou com Emmanuel Martínez e, na linha de fundo, cruzou para Henrique Almeida. O centroavante cabeceou na entrada da pequena área e contou com falha de Rafael Cabral para marcar o segundo do Coelho. No entanto, com o auxílio do VAR, o árbitro anulou o gol por uma falta de Ricardo Silva em Gilberto no início da jogada.

FICHA TÉCNICA

AMÉRICA-MG 1 X 0 CRUZEIRO

Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)

Data: 04 de fevereiro de 2023 (sábado)

Horário: 16h30 (de Brasília)

Árbitro: André Luiz Skettino Policarpo Bento

Assistentes: Magno Arantes Lira e Fernanda Nandrea Gomes Antunes

VAR: Emerson de Almeida Ferreira

Cartões amarelos: Alê, Aloísio, Nino Paraíba, Dadá Belmonte e Ricardo Silva (América-MG); Wesley e Reynaldo (Cruzeiro)

Gols:

AMÉRICA-MG: Henrique Almeida (32′ do 2ºT)

AMÉRICA-MG: Matheus Cavichioli; Nino Paraíba, Iago Maidana (Danilo Avelar), Ricardo Silva e Nicolas; Juninho, Alê e Benítez (Emmanuel Martínez); Mateus Gonçalves (Matheusinho), Felipe Azevedo (Dadá Belmonte) e Aloísio (Henrique Almeida)

Técnico: Vagner Mancini

CRUZEIRO: Rafael Cabral; William, Lucas Oliveira, Reynaldo e Marquinhos Cipriano (Rafael Bilu); Neto Moura (Igor Formiga), Ian Lucas e Wesley Gasolina (Ramiro); Nikão (Daniel Junior), Bruno Rodrigues e Wesley (Gilberto)

Técnico: Paulo Pezzolano

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Compartilhar
Publicidade
Publicidade