PUBLICIDADE

Campeonato Gaúcho

Patrocínio Logo do patrocinador

Inter e Grêmio chegam com longas séries sem derrota para GreNal, mas treinadores tem relações diferentes com o clássico

Neste domingo (25), acontece no Beira-Rio o GreNal 441 e mesmo sendo o primeiro do ano, promete ser muito quente visto a fase recente dos times. No lado Colorado, o Inter chega com cinco vitórias seguidas, enquanto no lado tricolor, o Grêmio está invicto há oito jogos, sendo derrotado apenas na estreia do Gauchão. + […]

25 fev 2024 - 08h16
(atualizado às 10h24)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Esporte News Mundo

Neste domingo (25), acontece no Beira-Rio o GreNal 441 e mesmo sendo o primeiro do ano, promete ser muito quente visto a fase recente dos times. No lado Colorado, o Inter chega com cinco vitórias seguidas, enquanto no lado tricolor, o Grêmio está invicto há oito jogos, sendo derrotado apenas na estreia do Gauchão.

Apesar da ótima fase recente, Coudet tem uma relação complicada com o GreNal, tendo vencido apenas um no comando do Inter. Nos sete clássicos anteriores em que comandou o Inter, o argentino soma uma vitória, dois empates e quatro derrotas, quatro gols marcados e oito gols sofridos, com aproveitamento de 23,8%. Todos os duelos contra o Tricolor tinham Renato Portaluppi como adversário. Os jogos aconteceram em 2020 e 2023 por competições diferentes: Gauchão, Libertadores e Campeonato Brasileiro.

Pelo outro lado, Renato tem números que dão inveja para o treinador Colorado quando se trata de GreNal. No currículo, o comandante gremista tem 12 vitórias, cinco derrotas e 12 empates. Experiência essa que o treinador e ídolo leva para dentro do campo para buscar a vitória no Beira-Rio e a liderança do Gauchão. Como jogador, Renato ainda enfrentou o Inter em mais 15 jogos nas duas passagens - de 1980 à 1987 e em 1991. Ao todo, foram seis vitórias, cinco derrotas e quatro empates.

Já como treinador, o ídolo é o segundo da hstória do clube com mais Gre-Nais disputados no comando, atrás apenas de Telêmaco Frazão de Lima, com 51 clássicos gaúchos. Em terceiro vem Oswaldo Rolla, o Foguinho, com 24, e em quarto estão Felipão e Carlos Froner, com 20. Os números são do Museu do Grêmio.

Para saber mais sobre o Campeonato Gaúcho, siga o Esporte News Mundo no InstagramTwitter, e Facebook.

Sabendo dos históricos completamente diferentes, o GreNal 441 promete muito devido as fases recentes da equipe que junto com todo fogo do clássico, disputaram a liderança do Campeonato Gaúcho que vê a sua primeira fase próxima ao fim.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Publicidade