PUBLICIDADE

Copa Feminina

Mãe de jogadora da Jamaica faz vaquinha para ajudar seleção

No mesmo grupo que o Brasil, a seleção jamaicana não conseguiu, através de sua federação, arcar com todos os custos

24 jul 2023 - 03h46
(atualizado às 07h38)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Reuters

A mãe da jogadora Sandra Phillips-Brower, da Jamaica, criou uma vaquinha na internet para ajudar a cobrir parte das despesas da seleção na Copa do Mundo Feminina.

Hava Solaun, mãe de Phillips-Brower, foi a autora da campanha Reggae Girlz Rise Up. Ao todo, ela conseguiu arrecadar cerca de US$ 50 mil (R$ 238 mil) em doações.

No mesmo grupo que o Brasil, a seleção jamaicana não conseguiu, através de sua federação, arcar com todos os custos que levam uma preparação para o Mundial e esse foi o motivo que levou Solaun, a fazer a ação. 

Antes do início da Copa, as jogadoras jamaicanas fizeram alguns protestos e se manifestaram contra as ações da federação, que cortou gastos e diminuiu os salários das atletas. 

A seleção jamaicana conseguiu seu primeiro ponto na história da Copa, após empatar sem gols com a França na primeira rodada.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade