1 evento ao vivo

"Foram as horas mais difíceis de minha carreira", diz árbitro da final

13 jul 2010
09h20

Howard Webb, escolhido para apitar a final da Copa do Mundo, foi muito criticado pela mídia e pelas duas equipes após a partida, por deixar o jogo correr demais e não reprimir o jogo violento que tomou a partida.

Em declaração ao jornal The Sun, Webb disse que a final foi um momento difícil, fisica e mentalmente, mas agradeceu à Fifa por todo o apoio durante a competição e após seu desempenho na decisão da Copa.

O presidente da Fifa, Joseph Blatter, defendeu o árbitro da final, afirmando que erros acontecem, e que preferia não ter visto tanta violência em campo, mas no fim, quem quis jogar futebol, ganhou. Esta declaração serviu para calar as reclamações holandesas depois do jogo.

Howard Webb distribuiu muitos cartões na final, mas não coibiu a violência na partida
Howard Webb distribuiu muitos cartões na final, mas não coibiu a violência na partida
Foto: Reuters
Fonte: Terra
publicidade