1 evento ao vivo

Técnico sul-coreano pede desculpas por fracasso e se demite

11 jul 2014
11h23
atualizado às 12h08
  • separator
  • 0
  • comentários

Após a Associação Coreana de Futebol (ACF) afirmar que recusara o pedido de demissão do técnico Hong Myung-Boe e declarar que havia acertado sua permanência até a Copa da Ásia, em 2015, o treinador anunciou que deixará mesmo o cargo.

Foto: Jeff Mitchell / Getty Images

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

Ao encerrar sua participação na Copa do Mundo logo na primeira fase, com apenas um ponto no Grupo H, Myung-Bo pediu desculpas à torcida. "Estou pedindo demissão do meu cargo, me esforçarei para me tornar uma pessoa melhor. Em todo momento, achei ser a melhor escolha, mas a consequência foi o fracasso. Gostaria de pedir desculpas para os cidadãos sul-coreanos e também para os torcedores".

Na volta à Coreia do Sul, a delegação do país foi recebida com protestos. Os torcedores jogaram balas de caramelo nos atletas e em integrantes da comissão técnica, o que é considerado uma grave ofensa aos coreanos.

No Mundial, a seleção estreou com um empate diante da Rússia, por 1 a 1. Na segunda rodada, foi derrotada por 4 a 2 pela Argélia. Na última, perdeu para a Bélgica por 1 a 0 e acabou eliminada. O técnico Hong Myung-Bo foi capitão da Coreia na Copa do Mundo de 2002, realizada em seus domínios junto ao Japão, quando a equipe conseguiu o melhor desempenho de sua história no torneio, chegando às semifinais.

Veja os gols em 3D da Copa Veja os gols em 3D da Copa

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade