0

Destaque da Fifa, ator brilha no papel de Valderrama em novela colombiana

23 set 2013
11h24
atualizado às 11h24
  • separator
  • comentários

A televisão colombiana tem capitalizado diante das boas apresentações da seleção local, que está a uma vitória de assegurar presença na Copa do Mundo de 2014. A Caracol TV, uma das principais emissoras do país, exibe desde julho a novela La Selección, que conta a história da seleção da Colômbia da década de 90. E além de colher bons resultados nos índices locais de audiência, garantiu destaque até mesmo junto à Fifa.

<p>Edgar Vittorino é destaque na novela <em>La Selección</em> e ganha elogios até mesmo de Carlos Valderrama, a quem interpreta</p>
Edgar Vittorino é destaque na novela La Selección e ganha elogios até mesmo de Carlos Valderrama, a quem interpreta
Foto: Caracol TV / AFP

A série se baseia nas histórias dos principais nomes da equipe na época: René Higuita, Freddy Rincón, Carlos Valderrama e Faustino Asprilla. O quarteto ajudou a levar a Colômbia às oitavas de final da Copa do Mundo de 1990, além de ter conquistado a vaga para o Mundial seguinte de forma invicta com uma histórica vitória por 5 a 0 sobre a Argentina em Buenos Aires. Em 1998, a Colômbia foi para sua última Copa até hoje.

A Fifa destaca a dificuldade dos atores em interpretar os protagonistas daquela geração – caso, por exemplo, do ator Edgar Vittorino, que faz o papel de Valderrama. “Inicialmente, eu recusei a participação, porque eu não me parecia com ele”, contou Vittorino. “Mas quando eu vi fotos dele ainda jovem, eu me dei conta de que nos parecíamos, que eu poderia adotar o mesmo penteado”, completou.

Seleção dos anos 90 vira novela na Colômbia; veja trailler

Vittorino contou que chegou a viajar para Barranquilla para conhecer o ex-jogador, e para a cidade de Santa Marta, onde conheceu sua família “e aprender tudo sobre ele”. Além disso, foi para a cidade de Pescaito, onde Valderrama cresceu, “para ajudar a entende-lo e como foi uma luta difícil para chegar lá”. “Eu também assisti a vários arquivos, li o máximo que pude a respeito dele, e joguei futebol por três horas por dia”, explicou.

Os resultados, segundo a Fifa, tem sido “delicioso”. “El Pibe (apelido de Valderrama) está feliz com meu retrato dele”, diz Vittorino. “Ele acha que tenho feito um bom trabalho imitando o jeito que ele anda e como ele age. E os espectadores estão adorando a novela. As pessoas nas ruas me abraçam e dizem que tenho feito um bom trabalho. Eles dizem que se sentem como se estivessem vendo El Pibe”, conta.

&amp;amp;amp;amp;amp;lt;a data-cke-saved-href=&amp;amp;amp;amp;quot;http://esportes.terra.com.br/infograficos/loucos-copa-mundo/&amp;amp;amp;amp;quot; href=&amp;amp;amp;amp;quot;http://esportes.terra.com.br/infograficos/loucos-copa-mundo/&amp;amp;amp;amp;quot;&amp;amp;amp;amp;amp;gt;Loucos da Copa do Mundo&amp;amp;amp;amp;amp;lt;/a&amp;amp;amp;amp;amp;gt;
Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade