PUBLICIDADE

Grêmio e Internacional estudam fazer clássico no Maracanã e outras ações em conjunto

Sem condições de jogarem em Porto Alegre, clubes serão itinerantes nas próximas semanas. Grêmio e Inter devem se enfrentar no fim de junho

28 mai 2024 - 09h39
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Divulgação/X Maracanã - Legenda: Grêmio e Inter podem fazer clássico no principal estádio do país / Jogada10

A dupla Gre-Nal se vira como pode com a retomada do futebol após as fortes chuvas no Rio Grande do Sul. E uma das possibilidades está na realização do clássico entre Grêmio e Internacional, pelo Brasileirão, acontecer no Maracanã.

Na última segunda-feira, após Conselho Técnico entre clubes da Série A na CBF, o presidente gremista falou sobre o tema. Segundo Alberto Guerra, existe uma proposta para que o clássico aconteça no estádio carioca, mas ainda não está nada certo.

"Na verdade, tem uma proposta para isso (Gre-Nal no Maracanã) e estamos analisando porque passava pela reunião também", disse Guerra.

A princípio, a partida aconteceria no dia 15 de junho. Com a paralisação do torneio, porém, o clássico deverá acontecer no dia fim de semana do dia 23. A expectativa, aliás, é que os Gre-Nais aconteçam em campos neutros.

"No caso do Gre-Nal, é mando do Grêmio. Vai depender de como o Grêmio está imaginando isso para que a gente possa ter definição", afirmou Alessandro Barcellos, presidente do Inter.

Estádio de um, CT do outro

Aos poucos, os dois clubes tentam voltar ao normal em Porto Alegre, na medida do possível, obviamente. O Estádio Beira-Rio, por exemplo, casa do Colorado, já está em processo de limpeza, e o Inter prevê entre dois e três meses para voltar a jogar no local. A Arena do Grêmio, contudo, fortemente atingida, não tem prazo para voltar a receber jogos.

Por outro lado, o CT Parque Gigante, do Internacional, ficou completamente alagado e em situação devastadora. O cenário, contudo, é diferente no CT do Imortal, o Luiz Carvalho, que teve apenas o campo danificado, mas com estruturas gerais, como vestiários e outros prédios, bem conversadas.

Dessa forma, as duas equipes estudam a realização de jogos da dupla como mandantes no Beira-Rio e treinos no CT Luiz Carvalho. A utilização ainda depende da evolução dos reparos e da liberação para partidas. Por enquanto, trata-se apenas de uma conversa.

"Estamos conversando o tempo todo. Esta é uma alternativa que pode ser colocada como solução. Construir a liberação do estádios, depois a agenda de cada um. Vamos jogar a Sul-Americana contra Delfín no Alfredo Jaconi, o Juventude joga dois dias antes, temos que cuidar para não saturar o gramado", disse o presidente do Inter.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Publicidade