PUBLICIDADE

Carlos Brazil deixa gerência da base no Corinthians para assumir futebol do Vasco

8 dez 2021 14h12
| atualizado às 14h12
ver comentários
Publicidade

Carlos Brazil não é mais o gerente das categorias de base do Corinthians. Após pouco menos de sete meses de trabalho no Parque São Jorge, Brazil se despediu nesta quarta-feira. Instantes depois, ele foi anunciado como novo gerente geral do departamento de futebol profissional do Vasco.

Pelo Twitter, Carlos Brazil enviou mensagens às duas torcidas.

"Obrigado, Corinthians! Hoje, me despeço da Base do Corinthians grato por esses intensos meses de muito trabalho e parceria com torcida, atletas e profissionais. Me direciono a um novo desafio profissional e desejo que os #FilhosDoTerrão sigam fazendo bonito e dando frutos ao Timão!".

"Um chamado do Vasco é uma convocação. Estou muito feliz em poder retornar ao clube pelo qual tenho imenso carinho. Com muito trabalho, empenho e principalmente apoio da torcida, conduziremos este Gigante ao cenário do qual nunca deveria ter saído! Vamos juntos!".

A base do Corinthians seguirá tendo como diretor Osvaldo Neto. Nos próximos dias, o clube deve anunciar um substituto para Carlos Brazil.

Jacinto Antônio Ribeiro, o Jaça, mesmo sem cargo oficial, segue sendo o nome de maior influência no departamento e braço de Osvaldo Neto. Há muita pressão interna para que ele não assuma nenhum cargo oficial.

As negociações estão em estágio avançado, já que a proposta do Vasco chegou à Brasil há algumas semanas. Um profissional do mercado deve assumir o posto.

Currículo

Graduado em Administração e Engenharia, Carlos Brazil, 58 anos, possui formação acadêmica no esporte com pós-graduação em Marketing Esportivo (IBMEC), Gestão e Direito no Esporte (Trevisan) e um mestrado em Atividade Física e Gestão, pela Universidad Europea del Atlántico, na Espanha.

O gestor é ex-presidente e atual diretor do Movimento de Clubes de Formação do Futebol Brasileiro, e também professor e consultor da CBF Academy.

Ele acumula passagens como gerente das categorias de base do Vasco da Gama, Tigres-RJ, Botafogo e Flamengo. O executivo também comandou a gerência da Subsecretaria de Legado Olímpico e Secretaria de Esportes do Rio de Janeiro.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade