PUBLICIDADE

Botafogo vence Atlético-GO e quebra jejum de oito anos sem vencer o Dragão

Com gol de Mateo Ponte no primeiro tempo, o Botafogo venceu o Atlético-Go por 1 a 0

18 abr 2024 - 23h52
(atualizado às 23h52)
Compartilhar
Exibir comentários
Botafogo espanta má fase e vence em casa.
Botafogo espanta má fase e vence em casa.
Foto: Vítor Silva/Botafogo / Esporte News Mundo

Em partida válida pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro,  o Botafogo venceu o Atlético-GO por 1 a 0, em jogo disputado no Estádio Nilton Santos. O gol Alvinegro foi marcado por Mateo Ponte, ainda no primeiro tempo. Essa foi a primeira vitória do Botafogo sobre o Dragão em oito anos. Esse também foi o primeiro triunfo da equipe no Brasileirão 2024. 

O primeiro tempo começou muito disputado pelos dois times, o Botafogo tinha a posse de bola, enquanto o Atlético marcava bem sem a bola e tentava explorar os lados do campo. Aos poucos o Alvinegro foi controlando o jogo e criando chances. Mateo Ponte, que estava sendo vaiado, abriu o placar aos 30. Após bater de primeira, após receber passe de Luiz Henrique na entrada da área. A primeira etapa da partida foi muito faltosa, ao todo 13 infrações foram cometidas neste período.

A segunda etapa começou com o Botafogo melhor, o Alvinegro criou algumas chances e podia ter ampliado o marcador, com o tempo a equipe foi se cansando. O Atlético por outro lado não começou bem, mas cresceu no jogo no final da segunda etapa e criou algumas chances, mas não conseguiu convertê-las em gol.

1° TEMPO

O jogo começou bem agitado, com um minuto, Bruno Tubarão arriscou de longe e mandou por cima do gol. Na sequência,  Pedro Henrique levou amarelo após falta dura em Junior Santos. Aos cinco, Tchê-Tchê sofreu falta, na cobrança Jeffinho arriscou e obrigou Ronaldo a fazer sua defesa no jogo e mandar para escanteio. Após a cobrança, a bola ficou viva na área e Halter pegou fraco de primeira e jogou em cima do goleiro. 

Após esses lances de perigo, o jogo ficou um pouco mais calmo. O Botafogo tetva criar, mas não conseguia acertar o último passe. O Atlético por sua vez, marcava bem sem ter a posse de bola e explorava os lados do campo. Aos 18, após troca de passes,Tchê-Tchê apareceu de elemento surpresa no ataque e finalizou por cima do gol. Aos 24, Matheus Nascimento, surpresa no time titular,  sentiu após sofrer falta de Luiz Felipe e com isso Tiquinho Soares entrou no jogo.  

Depois disso, o Alvinegro teve mais a posse e ficou rodando a área do Dragão que errou muitos passes neste período do jogo. Logo após a torcida ensaiar uma vaia, o Botafogo abriu o placar aos 33, com Mateo Ponte, um jogador que não tem tido boas atuações nos últimos jogos. Júnior Santos acionou Luiz Henrique pelo lado direito do ataque, ele viu o uruguaio na entrada da área e tocou para ele. O camisa 4 pegou de primeira e mandou no canto direito para abrir o placar para o Alvinegro. 1 a 0 Botafogo. 

Logo após o gol o Atlético respondeu. Luiz Fernando foi lançado em velocidade nas costas da defesa, ele bateu cruzado e foi travado pela defesa. Após esse lance, o Botafogo empilhou chances. Primeiro com Jeffinho aos 40. Tchê-Tchê lançou o camisa 47, ele chutou forte e Ronaldo fez boa defesa e mandou para escanteio. Após a cobrança, Tiquinho ajeitou para Jeffinho que chutou rasteiro e teve desvio em outro escanteio. Na outra cobrança Bastos apareceu cabeceando para fora. Após isso, o árbitro Luiz Flávio de Oliveiro deu 4 minutos de acréscimos. Aos 48, após cobrança de escanteio de Shaylon Luiz Felipe cabeceou em cima de Gatito. 

2° TEMPO

O segundo tempo começou morno, o Atlético rondando a área do Botafogo. aos sete, Lucas Halter e Gatito se atrapalharam e Emiliano Rodriguez ficou com a bola, e teve sua finalização bloqueada pela defesa. Logo na sequência, Tiquinho deu grande passe para Júnior Santos, ele conduziu e ficou cara a cara com Ronaldo, ele poderia ter chutado, mas optou por passar para Jeffinho. No entanto, o camisa 47 não chegou a tempo na bola e demorou para finalizar. Na sequência, o Alvinegro perdeu outra grande chance. Após troca de passe rápida entre Júnior Santos e Luiz Henrique. O camisa 11 foi ao fundo e tentou o passe e a bola bateu no defensor e quase entrou.  

O Dragão foi crescendo no jogo. Aos 20, o Atlético roubou a bola no campo de ataque e Shaylon arriscou de longe e mandou por cima do gol. E pressionou bem a saída de jogo Alvinegro. Aos 24,  Ronaldo teve que trabalhar. Após troca de passes, Savarino ficou com a bola e mesmo desequilibrado arriscou de longe e o camisa 1 encaixou. 

A partir dos 33 o Atlético foi criando chances. Primeiro Gatito fez boa defesa. Vagner Love recebeu na área e ficou cara a cara com Gatito, que defendeu e mandou para escanteio. Depois aos 41, Yony González chutou e Lucas Halter afastou. 

Luiz Flávio de Oliveira deu seis minutos de acréscimos na segunda etapa. Não aconteceu muitas coisas nos acréscimos. No último lance, após bate e rebate na área, Halter bloqueou uma finalização com o queixo. Com isso, o Alvinegro conquistou sua primeira vitória no Brasileirão 2024.  Botafogo 1 x 0 Atlético-GO.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Publicidade