PUBLICIDADE
Logo do

Fortaleza

Favoritar Time

Fluminense sofre, mas vence o Fortaleza no Castelão pelo Brasileiro

O Fortaleza pressionou, ficou na bronca com a arbitragem, em lance de pênalti, e parou em Fábio, que fez boas intervenções e salvou o Flu

22 mai 2022 18h38
| atualizado às 18h52
ver comentários
Publicidade
Foto: LC MOREIRA/ESTADÃO CONTEÚDO

O Fluminense sofreu, mas garantiu mais três pontos no Campeonato Brasileiro. Neste domingo, 22, o Tricolor Carioca bateu o Fortaleza por 1 a 0, no Castelão, pela 7ª rodada. O goleiro Fábio foi o destaque do clube carioca.

Os visitantes fizeram o gol logo no início e depois se defenderam na maior parte do jogo. O Fortaleza pressionou, ficou na bronca com a arbitragem, em lance de pênalti, e parou em Fábio. O goleiro fez boas intervenções e salvou o Fluminense.

Com a vitória, o Fluminense pula para 11 pontos e está na sétima colocação do Brasileiro. Já o Fortaleza segura a lanterna, com apenas um ponto em seis jogos.

As duas equipes agora têm compromissos internacionais. O Fluminense visita o Oriente Petrolero, na Bolívia, nesta quinta-feira, às 21h30 (horário de Brasília), pela Copa Sul-Americana. O Tricolor Carioca está em situação delicada. Terceiro colocado do Grupo H, o Flu precisa vencer por seis gols de diferença, além de torcer por um empate entre Junior Barranquilla (COL) e Unión Santa Fe (ARG). Já o Fortaleza enfrenta o Colo-Colo, no Chile, nesta quarta-feira, às 19h (de Brasília), pela Libertadores. Segundo colocado do Grupo F, o Leão do Pici joga pelo empate para avançar às oitavas de final.

Já pelo Brasileiro, o Fluminense tem o clássico com o Flamengo pela frente, domingo, às 18h (de Brasília), no Maracanã. O Fortaleza, por sua vez, recebe o Juventude, sábado, às 20h30 (de Brasília), no Castelão.

O duelo

O Fluminense deu o bote logo no começo do jogo. O Fortaleza partiu para o ataque e buscou pressionar o clube carioca. Contudo, o Flu marcou na primeira investida com mais ímpeto. Aos oito minutos, Nathan passou para Luiz Henrique. Ele se livrou da marcação de Juninho Capixaba e chutou para fazer 1 a 0.

O Fortaleza não sentiu o golpe e tratou de atacar o Fluminense. Aos 20 minutos, Juninho Capixaba acertou o travessão. Na sequência, após escanteio, a bola sobrou para Silvio Romero, mas Fábio cresceu e salvou o clube carioca.

Fábio precisou trabalhar novamente aos 33 minutos. Após cobrança de falta, Matheus Jussa ganhou pelo alto e cabeceou no canto. O goleiro do Fluminense espalmou. O Tricolor carioca se defendia e encontrava dificuldade para contra-atacar. Em um raro lance em que conseguiu ameaçar os donos da casa, Luiz Henrique adiantou muito a bola e viu Max Walef ficar com ela.

O Fortaleza ficou na bronca com a arbitragem. Moisés foi tocado por Wellington dentro da área. Contudo, o árbitro mandou seguir. O VAR não recomendou a revisão do lance.

Fernando Diniz mudou no intervalo. Ele colocou Samuel Xavier no lugar de Nathan. O técnico do Fluminense precisou fazer alteração no começo da etapa final. Nino sentiu um problema muscular e deu lugar a Luccas Claro.

O Fortaleza chegou a empatar aos sete minutos. Em contra-ataque, Moisés recebeu de Lucas Lima e bateu no canto: 1 a 1. Contudo, o VAR recomendou a revisão do lance. No campo de defesa, em disputa de bola, Landázuri fez falta em Yago Felipe e iniciou o contragolpe, e o gol foi anulado.

O Fluminense praticamente só se defendia. Diniz colocou Caio Paulista no lugar de Luiz Henrique. O Tricolor Carioca conseguiu sair da pressão e deu novo bote. Aos 29 minutos, Wellington lançou Cano. Ele levou a bola para a perna esquerda e marcou. Contudo, o VAR anulou por impedimento do atacante.

Yago Felipe desperdiçou a chance de ampliar, após passe de Caio Paulista. O volante chutou para fora. Fábio voltou a salvar o Fluminense. Ele desviou finalização de Kayzer, que entrou no Fortaleza no segundo tempo.

Aos 44, Fábio trabalhou de novo e espalmou finalização de Robson, outra tentativa de Vojvoda. Depois, Marlon bloqueou finalizou de Lucas Lima. Nos acréscimos, Cano parou em Max Walef. O Fluminense conseguiu segurar a vitória e somou mais três pontos no Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA

FORTALEZA 0 X 1 FLUMINENSE

Local: Castelão, Fortaleza (CE)

Data: 22 de maio de 2022, domingo

Horário: 16 horas (de Brasília)

Público: 37.507 torcedores

Árbitro: Anderson Daronco (RS-Fifa)

Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS-Fifa) e Michael Stanislau (RS)

VAR: Rafael Traci (SC)

Cartão amarelo: Lucas Lima (Fortaleza) e David Braz (Fluminense)

Cartão vermelho:

Gol:

Fortaleza:

Fluminense: Luiz Henrique, aos 8′ do 1ºT

FORTALEZA: Max Walef; Landázuri (Lucas Crispim), Marcelo Benevenuto e Titi (Matheus Jussa); Yago Pikachu, José Welison, Hércules (Robson), Lucas Lima e Juninho Capixaba; Moisés (Depietri) e Silvio Romero (Renato Kayzer). Técnico: Juan Vojvoda.

FLUMINENSE: Fábio; Yago Felipe, Nino (Luccas Claro), David Braz e Marlon; Wellington, André, Nathan (Samuel Xavier) e Ganso (Nonato); Luiz Henrique (Caio Paulista) e Cano.

Técnico: Fernando Diniz.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade