1 evento ao vivo

Fluminense já teme perder Odair para o futebol árabe

27 out 2020
14h14
atualizado às 14h14
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Fluminense colecionou fracassos na temporada 2020, mas parece finalmente ter encontrado um modelo de jogo e está embalado. Sem perder há sete partidas, o Tricolor está no G4 do Campeonato Brasileiro, e sonha em pelo menos conquistar uma vaga na Libertadores de 2021.

Odair Hellmann assumiu a equipe este ano e seu trabalho chegou a ser bastante questionado em função das eliminações nas Copas Sul-Americana e do Brasil, ambas para equipes de menor expressão, e a derrota para o Flamengo na final do Campeonato Carioca.

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)
Foto: Gazeta Esportiva

O início do Brasileiro foi irregular, mas depois do revés para o Atlético-GO no mata-mata nacional, o time não perdeu mais. Entretanto, a boa campanha despertou o interesse de clubes de fora do Brasil pelo trabalho do treinador.

Ao sondar Jorge Sampaoli, o Al Nassr, da Arábia Saudita, se deparou com uma multa rescisória de 2,5 milhões de euros, valor que não está disposto a pagar. Suas outras opções são Odair e Rogério Ceni, e já foi feita uma sondagem pelo treinador tricolor.

Dedicado apenas ao Brasileirão, o Fluminense fechará o primeiro turno com a melhor campanha em cinco anos. Desde 2015, quando somou 33 pontos nas 19 primeiras rodadas, o Flu não alcançava os 29 pontos que tem agora. E se vencer o duelo contra o Fortaleza, no pŕoximo sábado, pela 19ª rodada, chegará a 32 pontos.

Segundo o site Infobola, do matemático Tristão Garcia, o Fluminense tem 32% de chances de chegar à Libertadores, e 3% de ser campeão brasileiro.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade