PUBLICIDADE
Logo do Fluminense

Fluminense

Favoritar Time

CBF detalha áudios do VAR de lances polêmicos de Fluminense x Vasco

Wilton Pereira Sampaio não deu pênalti, enquanto o VAR entendeu que 'Se a bola não bate no braço, bateria no seu corpo'

22 abr 2024 - 12h13
Compartilhar
Exibir comentários
-
-
Foto: Lucas Merçon/Fluminense - Legenda: Fluminense venceu o Vasco, no Maracanã, pela 3ª rodada do Campeonato Brasileiro 2024 / Jogada10

A CBF divulgou a análise do VAR sobre lances do clássico entre Fluminense e Vasco, no Maracanã, no último sábado (20). Assim, o árbitro, que ficou responsável pelo recurso de vídeo, Rodolpho Toski Marques, concordou com a decisão de Wilton Pereira Sampaio. O profissional não deu pênalti em lance no qual Manoel cortou com o braço um chute de Vegetti.

"Trava no ponto de contato, a gente tem que ver se essa bola passaria. Eu não vejo movimento adicional, deliberado. Vejo um braço natural. Se a bola não bate no braço, bateria no seu corpo. (…) Ele não amplia o seu braço para trás, ela bateria no corpo dele. Tudo checado. Bola bate no braço, mas não tem movimento adicional. Se não bate no braço, bateria no corpo", relatou.

De acordo com a regra 12, o jogador cometerá a infração se "tocar na bola com sua mão ou seu braço deliberadamente; por exemplo, deslocando a mão ou o braço na direção da bola".

A entidade também divulgou o áudio sobre o impedimento de Vegetti, em gol anulado do Vasco, na segunda etapa. Na jogada, David acionou o argentino, que em condição irregular, estufou a rede. Novamente, o VAR confirmou a decisão da arbitragem de campo.

"Decisão é impedimento, né? Triangulado, confirma a linha. Base tá legal, linha tá legal. (…) Estamos triangulados. O joelho é nosso último ponto, confirma e sobe. Impedimento confirmado", explicou.

Olho na agenda

No momento, o Fluminense soma 4 pontos e lidera o Grupo A da Libertadores. Nesse sentido, os comandados de Fernando Diniz entram em campo na quinta-feira (25). O time, portanto, joga às 19h (de Brasília), no La Nueva Olla, e encara o Cerro Porteño, no Paraguai. Por fim, o Vasco só volta a campo no final de semana, dia 27, quando enfrenta o Criciúma, em São Januário, pelo Brasileirão.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Publicidade