PUBLICIDADE
Logo do

Flamengo

Meu time

Sormani critica permanência de Pedro e venda de Gerson no Flamengo: 'Luxo desnecessário'

Comentarista afirmou que atacante não encaixa ao lado de Gabigol e não precisava ter sido contratado

9 jun 2021 18h16
| atualizado às 18h16
ver comentários
Publicidade

Durante o "BB Debate" desta quarta-feira o comentarista Fábio Sormani criticou a permanência do atacante Pedro no Flamengo. Para o jornalista, o atleta da Seleção Olímpica Brasileira é um "luxo enorme" que acarretou na venda do volante Gerson para o Olympique de Marseille e incomoda o principal jogador do Fla, Gabigol.

Fábio Sormani durante o 'BB Debate' desta quarta-feira (Reprodução / ESPN)
Fábio Sormani durante o 'BB Debate' desta quarta-feira (Reprodução / ESPN)
Foto: Lance!

- Eu acho que o Pedro e o Gabriel não conseguem jogar juntos, na minha opinião, não conseguem. O Pedro é o jogador que precisa estar na área, a área é também o habitat do Gabriel. As vezes em que eu vi os dois jogando juntos, eu senti o Gabriel incomodado, não o Pedro. O Pedro tava na dele. O Gabriel ficou incomodado. Então eu acho que você não pode tirar o conforto do seu melhor atacante, que é o Gabriel. Então por isso eu acho que não funciona - opinou o comentarista.

- Então se vai ter um jogador com esse salário, com esse investimento, pra ser uma alternativa de jogo? Não, esse jogador tem que ser o Rodrigo Muniz, a sua base tem que ajudar aí. Eu achei absolutamente desnecessário, um luxo enorme do Flamengo, coisa que nenhum time no mundo tem, são dois jogadores desse mesmo naipe para a mesma posição. O Bayern [de Munique] não tem, o [Manchester] City não tem, o Chelsea não tem, o Real Madrid não tem, o Barcelona não tem, ninguém tem. Porque que o Flamengo vai ter dois jogadores pra mesma posição? - questionou o jornalista.

- Desse nível, é um nível muito alto, tanto é que eles tão na Seleção. E muita gente pede o Pedro também na Seleção principal. O meu ponto de vista é esse, se o Flamengo nadasse em dinheiro como nada o Real Madrid, tudo bem. Mas agora ele se vê obrigado a vender o Gerson pra fazer caixa quando ele não precisaria ter investido no Pedro. Porque o Pedro não foi só preço do salário dele - concluiu Fábio Sormani.

Gabigol volta a entrar em campo com a Seleção Brasileira neste domingo, em confronto contra a Venezuela na abertura da Copa América. Já Gerson e Pedro jogam com a Seleção Olímpica com o início dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Lance!
Publicidade
Publicidade