PUBLICIDADE
Logo do Flamengo

Flamengo

Favoritar Time

Ex-jogador consegue anular vitória do Flamengo na Justiça em processo por invalidez

Defesa do ex-Flamengo nalegou que foi impedida de ouvir suas testemunhas, levando o tribunal a anular a sentença por cerceamento de defesa

10 jun 2024 - 18h09
(atualizado às 19h03)
Compartilhar
Exibir comentários
Alexandre Vidal/Flamengo - Legenda: Dener acusa o Flamengo de diagnóstico errado em lesão no joelho
Alexandre Vidal/Flamengo - Legenda: Dener acusa o Flamengo de diagnóstico errado em lesão no joelho
Foto: Jogada10

O Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro anulou, na manhã desta segunda-feira, a sentença favorável ao Flamengo na ação movida pelo ex-zagueiro Dener, que o acusava de deixá-lo inválido. A informação é do 'ge'.

Isso porque a defesa do ex-atleta alegou que foi impedida de ouvir suas testemunhas, levando o tribunal a anular a sentença por cerceamento de defesa. Além disso, os desembargadores, por unanimidade, acataram o recurso e determinaram uma nova audiência, pois precisam ouvir os depoimentos necessários, seguida de um novo julgamento.

Ex-Flamengo teve aposentadoria precoce

Dener, que anunciou sua aposentadoria aos 23 anos em 2021, entrou com uma ação trabalhista contra o Flamengo, pedindo uma indenização de R$ 4,2 milhões. Aliás, ele fez parte da geração de base que incluiu jogadores como Lucas Paquetá, Felipe Vizeu e Léo Duarte.

Os advogados do ex-zagueiro detalharam a cronologia de suas cirurgias, destacando que as intervenções no joelho esquerdo foram determinantes para o fim de sua carreira. Além disso, a ação alega que o atleta treinou oito meses com os ligamentos rompidos. Contudo, após a segunda cirurgia, Dener não recebeu o tratamento adequado do clube em sua recuperação.

Ele relatou sentir fortes dores durante a transição para o campo, mas era orientado a continuar pelo pessoal médico sem nomeação específica. Apesar disso, em maio de 2023, Dener perdeu a ação em primeira instância, com base em perícia que apontou um comprometimento funcional de apenas 4%, descartando erro médico como causa de sua invalidez.

Em 2021, o ex-jogador escreveu um texto no qual acusa os médicos rubro-negros de colocarem em risco a integridade física dos atletas. Aliás, ele ainda fez menção a Ederson, que durante a sua passagem pelo Flamengo, entre 2015 e 2018, conviveu com problemas sérios no joelho e ainda batalhou contra um câncer nos testículos.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade