PUBLICIDADE

Espanha se despediu do Brasil de forma digna, diz Del Bosque

23 jun 2014 15h14
| atualizado às 16h07
ver comentários
Publicidade
Juan Mata comemora gol da Espanha com Fernando Torres.
Juan Mata comemora gol da Espanha com Fernando Torres.
Foto: Amr Abdallah Dalsh / Reuters

O fim da era de ouro da Espanha não aconteceu como se imaginava, já que a queda na primeira fase da Copa do Mundo no Brasil pegou todo mundo de surpresa. No entanto, o técnico Vicente del Bosque analisou de maneira mais tranquila a participação de seus comandados após a vitória sobre a Austrália, por 3 a 0. Para ele, o fim foi "digno".

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

"Encerramos nossa participação de maneira digna. Jogadores se empenharam e nos primeiro minutos tiveram de se adaptar. Ficamos um pouco abaixo, tivemos Holanda e Chile jogando muito bem e o mérito é deles. Mas nós tivemos mal em várias frentes", afirmou Del Bosque, que fez uma breve previsão sobre o futuro da seleção e não descartou permanecer para a Eurocopa de 2016, na França.

"Ainda há pessoas que podem ajudar a seleção. Temos de estar atentos ao que vier e olhar os jovens. Não tenho pressa de pensar no meu futuro, nos próximos dias e semanas analisaremos isso", disse o treinador espanhol. A vitória sobre a Austrália por 3 a 0 foi construída com gols de Villa, Torres e Mata em partida disputada em Curitiba (PR), na Arena da Baixada.

Fonte: Lancepress! Lancepress!
Publicidade
Publicidade