0

Com 2 de artilheiro, Equador vence Honduras e entra na briga

20 jun 2014
20h53
atualizado em 25/6/2014 às 13h36
  • separator
  • 0
  • comentários

O Equador fez com Honduras o que sofreu da Suíça. Com menos emoção, é verdade, os equatorianos saíram atrás no marcador no jogo na Arena da Baixada, em Curitiba, reagiram e buscaram a virada nesta sexta-feira, vencendo o confronto por 2 a 1 e somando seus primeiros pontos no Grupo E da Copa do Mundo. Enner Valencia, um dos artilheiros do Mundial, fez os dois gols equatorianos, e Costly marcou para os hondurenhos.

<p>Enner Valencia fez o terceiro gol do Equador na Copa, que também foi seu terceiro na competição</p>
Enner Valencia fez o terceiro gol do Equador na Copa, que também foi seu terceiro na competição
Foto: Reuters

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

Agora, a chave encabeçada pela Suíça tem a França na liderança, com seis pontos, seguida do Equador e dos suíços, ambos com três pontos, com vantagem para os sul-americanos, que possuem saldo de gols superior. Sem pontos, Honduras é a lanterna da chave, mas ainda tem chances remotas de classificação.

Para avançar às oitavas de final do Mundial, os hondurenhos dependem de uma vitória na Arena Amazônia na próxima quarta-feira, dia 25, diante da Suíça, em partida marcada para as 17h (de Brasília). No mesmo dia e horário, os comandados de Luis Suárez torcerão para um triunfo da França sobre o Equador, que duelam no Maracanã.

Após se destacar na primeira rodada pela firmeza com que chegava em divididas, a seleção hondurenha não aliviou nas tentativas de roubada de bola contra o Equador, abusando dos carrinhos e soltando até pontapés logo nos primeiros minutos do jogo.

<p>Carlos Costly fez o gol solitário de Honduras</p>
Carlos Costly fez o gol solitário de Honduras
Foto: Reuters

O início do confronto ficou marcado pelo posicionamento defensivo de Honduras, que cedeu a posse de bola ao Equador, que não conseguiu trabalhá-la com qualidade a ponto de criar boas chances de gol.

A estratégia hondurenha surtiu efeito aos 30min, quando Beckeles deu um chutão da defesa de Honduras direto para o ataque, Carlos Costly dividiu pelo alto, ganhou do zagueiro e fuzilou de pé esquerdo da entrada da área, sem chances para Domínguez.

O Equador precisou de três minutos para empatar. Paredes dominou na meia direita, avançou e tentou finalizar no gol defendido por Valladares. O chute foi travado, mas serviu como um cruzamento para Enner Valencia aparecer por trás da zaga e completar para as redes.

Nos acréscimos da primeira etapa, Bengston chegou a marcar o segundo de Honduras, mas o lance foi anulado pelo árbitro, pois o jogador dominou com a mão. Ele também estava em posição irregular, mas o bandeirinha não notou a irregularidade e se dirigiu ao centro do campo na conclusão do lance. O atacante hondurenho foi punido com cartão amarelo depois da jogada.

As equipes retornaram dos vestiários com o mesmo comportamento para a etapa complementar. Precisando da vitória para manter vivas as chances de classificação para as oitavas de final, ambas as seleções buscaram o segundo gol ao seu jeito. Sem qualidade na armação, mas com as rédeas da partida graças ao comportamento retraído de Honduras, o Equador ditou o ritmo e pressionou o time da América Central.

Nos contra-ataques, os hondurenhos exigiram que Domínguez trabalhasse e mantivesse a igualdade no marcador para os sul-americanos, que encontraram o segundo gol aos 19min, quando Ayoví mandou para o meio da área uma falta na lateral esquerda e Enner Valencia cabeceou para colocar os equatorianos na frente no placar pela primeira vez na partida. De quebra, o atacante somou seu terceiro gol na Copa do Mundo, se igualando a Müller, Benzema, Van Persie e Robben na artilharia da competição.

FICHA TÉCNICA
HONDURAS 1 X 2 EQUADOR

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 20 de junho de 2014, sexta-feira
Horário: 19 horas (de Brasília)
Árbitro: Benjamin Willians (Austrália)
Assistentes: Matthew Cream e Hakan Anaz (ambos da Áustralia)
Cartões Amarelos: Bernárdez, Bengston (Honduras), Antonio Valencia, jefferson Montero e Enner Valencia (Equador)
Gols: Honduras: Costly, aos 31 minutos do primeiro tempo
Equador: Enner Valencia, aos 34 minutos do primeiro tempo, e aos 20 minutos do segundo tempo

HONDURAS: Valladares; Beckeles, Bernárdez, Figueroa e Izaguirre (Juan Carlos Garcia); Garrido (Martinez), Claros, Garcia (Chavez) e Espinoza; Bengston e Costly
Técnico: Luis Fernando Suárez

EQUADOR: Dominguez; Ayoví; Erazo, Guagua e Paredes; Noboa, Minda (Gruezo), Antonio Valencia e Jefferson Montero (Achilier); Enner Valencia e Caicedo (Edson Mendez)
Técnico: Reinaldo Rueda

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade