PUBLICIDADE
Logo do

Corinthians

Meu time

Mosquito vê má fase corintiana o afastar da Seleção Olímpica

Atacante vive bom momento, mas considera que ausência do time em torneios de peso foi decisiva para ele ficar fora de convocação para Tóquio

15 jul 2021 17h00
| atualizado às 17h52
ver comentários
Publicidade

Com idade olímpica, o atacante do Corinthians, Gustavo Mosquito, não foi lembrado pelo técnico André Jardine, para representar o Brasil nos Jogos de Tóquio, que se iniciam neste mês. Para o jogador, o momento ruim vivido pelo time alvinegro tem a ver com isso.

Mosquito está no Corinthians desde 2018 (Foto: Rodrigo Coca/Ag.Corinthians)
Mosquito está no Corinthians desde 2018 (Foto: Rodrigo Coca/Ag.Corinthians)
Foto: Lance!

Dos 22 atletas chamados para ir ao Japão, 10 atuam no futebol brasileiro, sendo que os mesmos são de oito times diferentes. E nenhum deles veste a camisa corintiana. Entre os que hoje jogam no Brasil, foram convocados pelo treinador da Seleção Olímpica os seguintes nomes: Abner e Santos, do Athlético-PR; Brenno e Matheus Henrique, do Grêmio; Claudinho, do Red Bull Bragantino; Daniel Alves, do São Paulo; Gabriel Menino, do Palmeiras; Guilheme Arana, do Atlético-MG; Lucão, do Vasco; e Nino, do Fluminense.

"Se a gente tivesse disputando mais competições, principalmente Libertadores, até Sul-Americana, que infelizmente (da qual) acabamos saindo, acredito que sim (poderia ter sido convocado), mas tenho que pensar em fazer o melhor, meu trabalho, para vestir a camisa da Seleção e aí fica para quem convoca e faz essas análises, fazer melhor meu trabalho o melhor possível para futuramente, quem sabe, vestir a camisa da Seleção", disse o camisa 19 em entrevista coletiva virtual concedida nesta quinta-feira.

Dos times de São Paulo na primeira divisão do Campeonato Brasileiro, apenas o Corinthians e o Santos não cederam atletas à Seleção Olímpica. O clube do Morumbi liberou Daniel Alves, que não possui idade olímpica, mas entra nas três exceções permitidas para maiores de 23 anos. Mosquito tem justamente 23 anos (completará 24 no dia 7 de setembro) e teria condições de defender o Brasil na Olimpíada.

Natural de Campo Largo, no Paraná, o atleta tem passagem pela categoria de base da Seleção Brasileira ainda quando vestia a camisa do Coritiba, clube que defendeu antes de ser contratado pelo Corinthians, em 2018. Fora da Olimpíada, Mosquito se prepara junto com o time alvinegro para o duelo diante do Atlético-MG, neste sábado, às 19h, na Neo Química Arena, pela 12ª rodada do Brasileirão.

 

Lance!
Publicidade
Publicidade