PUBLICIDADE
Logo do

Corinthians

Meu time

Magnus derrota o Corinthians e conquista a Liga Nacional de Futsal de forma invicta

20 dez 2020 16h32
| atualizado às 16h41
ver comentários
Publicidade

Neste domingo, o Magnus derrotou o Corinthians por 3 a 0, em Votorantim, e se consagrou campeão da Liga Nacional de Futsal de 2020 de forma invicta. No jogo de ida, em São Paulo, as equipes empataram em 1 a 1. Com isso, o time de Sorocaba conquistou o bicampeonato da competição.

Dentro das quatro linhas, a decisão ficou marcada pela reclamação dos visitantes em relação a arbitragem. Isso porque, ainda na metade da primeira etapa, o Timão já estourou a quinta falta, e o primeiro gol dos anfitriões saiu justamente de um tiro livre. Rodrigo bateu, Obina fez a defesa, mas o juiz sinalizou que o goleiro se adiantou. Na segunda tentativa, o fixo colocou a bola na rede.

No segundo tempo, o Alvinegro Paulista apertou em busca do empate, mas a missão ficou ainda mais complicada quando Murilo foi expulso. Com um a mais em quadra, o Magnus logo ampliou, em cobrança de pênalti de Rodrigo. Minutos depois, Marinho marcou o terceiro e colocou ponto final no confronto.

Após o cronometro zerar, o tempo fechou no ginásio. Os jogadores do Corinthians partiram para cima da arbitragem para reclamar, e a segurança do local interveio, utilizando gás de pimenta para dispersar o elenco.

"Lamentemos muito os episódios do final do jogo, onde o guarda ameaçou puxar uma arma para os nossos atletas. Eu testemunhei, outros atletas também, teve gás de pimenta. Os jogadores foram reivindicar a má arbitragem que teve hoje. A gente lamenta numa liga de futsal acontecer o que aconteceu hoje aqui", contou o capitão do Corinthians em entrevista ao SporTV.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade