PUBLICIDADE

Copa do Brasil evidencia boas gestões e força do Nordeste

Dos 16 times classificados para as oitavas de final do campeonato nacional, seis são nordestinos

11 jun 2021 19h36
| atualizado às 19h36
ver comentários
Publicidade

Pela primeira vez na história da Copa do Brasil, seis equipes nordestinas estão classificadas para as oitavas de final. ABC, Bahia, CRB, Fortaleza, Juazeirense e Vitória estão entre os 16 clubes que passaram de fase e embolsaram R$2,7 milhões de premiação da CBF. Um dos principais torneios do calendário nacional, a Copa do Nordeste tem sido apontada como diferencial para o sucesso dos clubes por exigir o alto nível e preparação dos atletas desde o início da temporada.

Fortaleza avançou em clássico local contra o Ceará (Leonardo Moreira/FEC)
Fortaleza avançou em clássico local contra o Ceará (Leonardo Moreira/FEC)
Foto: Lance!

O calendário dos times nordestinos começa com duas competições em paralelo. Enquanto a bola rola para os estaduais, os maiores clubes da região duelam pelo Nordestão. Com cada vez mais destaque no cenário nacional, pelo alto nível dos duelos, os clubes estão investindo na competição.

- O alto nível da Copa do Nordeste está sendo confirmado nos campeonatos nacionais. É exigido demais dos clubes, assim fazendo uma preparação, até uma pré-temporada, de muita qualidade. No caso do Bahia, conseguimos fazer o Campeonato Baiano com nossa equipe de transição, com convicção da diretoria, levando a competição regional com foco principal - analisou Júnior Chávare, gerente de futebol do Bahia, atual campeão da competição.

O dirigente reafirmou a importância do campeonato para a preparação de enfrentamentos nacionais, porém, ressalta outro ponto, a gestão profissional dos clubes:

- Além do alto nível do torneio, a ascensão se deve aos clubes estarem buscando equilíbrio financeiro. São gestões que tem como meta equalizar a questão financeira e administrativa para que o dentro do campo aconteça com grande destaque.

Marcelo Paz, presidente do Fortaleza, que eliminou o arquirrival Ceará, avançando às oitavas de final da Copa do Brasil, credita os êxitos do próprio clube e dos demais clubes nordestinos a boas gestões e a competição de alto nível, formando equipes vencedoras.

- Os resultados esportivos não são por acaso, tudo isso fruto de muito trabalho, investimento na região e de um povo que é apaixonado por futebol. Nos últimos anos, o Nordeste conseguiu manter pelo menos quatro equipes na elite do futebol brasileiro. É um processo que está se consolidando e agora estamos vendo os resultados nesta edição da Copa do Brasil - afirma o dirigente.

Na liderança do Brasileirão, o Tricolor do Pici está em excelente fase na temporada. Desde a contratação do técnico argentino Juan Pablo Vojvoda, o Fortaleza conquistou o título e possui uma média superior a 3 gols por partida.

- Decidimos por mudar o comando técnico antes do início do Campeonato Brasileiro, traçamos um perfil e fomos buscar no mercado. O nome do Vojvoda agradou pelos trabalhos que o profissional realizou em outras equipes, entregando excelentes resultados com um baixo orçamento. É um técnico jovem, corajoso e estamos muito animados com o projeto - completa Marcelo Paz.

Nos últimos anos, a competição ficou valorizada pela premiação milionária. Chávare reconhece a importância financeira, mas valoriza o resultado dentro de campo.

- A Copa do Brasil é referência pelos seus valores de premiação em cada fase, e, atualmente, qualquer clube precisa de entrada no caixa. Mas, mesmo com a importância significativa nas premiações, ela é ainda secundária em relação a importância desportiva, porque o que o clube busca é cada vez mais se consolidar no cenário competitivo nacional - avaliou.

Na mesma linha, o mandatário do Fortaleza valoriza o prêmio pela classificação:

- Com a falta de público nos estádios, a premiação se torna muito importante, é uma compensação que será utilizada para o planejamento do clube na sequência da temporada. É válido ressaltar que direcionamos, de forma justa, uma parte deste dinheiro para os atletas.

Lance!
Publicidade
Publicidade