PUBLICIDADE
Logo do Seleção Brasileira

Seleção Brasileira

Favoritar Time

Antes da Copa América, saldo do Brasil em amistosos é positivo, mas não convence

Uma vitória e um empate é o saldo da Seleção Brasileira nos dois amistosos de junho antes do início da Copa América

13 jun 2024 - 07h06
(atualizado às 07h31)
Compartilhar
Exibir comentários
Brasil (Photo by GREGG NEWTON/AFP via Getty Images)
Brasil (Photo by GREGG NEWTON/AFP via Getty Images)
Foto: Esporte News Mundo

Uma vitória e um empate é o saldo da Seleção Brasileira nos dois amistosos de junho antes do início da Copa América. Os jogos contra México (vitória por 3×2) e Estados Unidos (1×1) foram os últimos confrontos que o Brasil teve para se preparar para a competição, e foi positivo, mas faltou convencer mais.

O último compromisso foi contra os americanos, na noite de quarta-feira (12). O Brasil finalizou mais, cerca de 20 chutes para o gol, mas só um entrou e muitos outros pararam no goleiro Turner. O chute de Rodrygo foi o único que entrou. Pulisic fez para os Estados Unidos, de falta.

+ LEIA MAIS

Se for parar para analisar duramente, a Seleção Brasileira não convenceu e não é favorita para levar a Copa América. Argentina e Uruguai, pelo que vem mostrando, estão à frente do Brasil em quesito organização em campo. O técnico Dorival tem um time que considera titular, mas esse que não convenceu bem durante esses dois amistosos preparatórios.

O time considerado titular foi o que começou a partida contra os Estados Unidos. Fez um bom jogo, mas se comparar ao que iniciou o jogo contra o México (fora algumas alterações) foi o que melhor encaixou, e é o considerado reserva.

Time titular que começou a partida contra os EUA
Time titular que começou a partida contra os EUA
Foto: Rafael Ribeiro/CBF / Esporte News Mundo

Andreas Pereira, Gabriel Martinelli e Endrick, reservas, foram os que decidiram contra os mexicanos. E quando alguns 'titulares' entraram no segundo tempo, acabou que desorganizou o meio de campo e o Brasil levou dois gols do México. Endrick que marcou nos acréscimos naquela ocasião e deu a vitória para a Seleção Brasileira. Savinho e Yan Contou também foram destaquem no jogo.

Time reserva do Brasil que jogou o primeiro tempo contra o México
Time reserva do Brasil que jogou o primeiro tempo contra o México
Foto: Rafael Ribeiro/CBF / Esporte News Mundo

Claro que também o resultado contra os Estados Unidos não foi positivo por causa do goleiro Turner, que pegou muitas bolas brasileiras, já que o time finalizou mais de 20 vezes. Mas o que foi visualizado durante os dois jogos, é que a defesa da Seleção precisa melhorar mais, e que algumas modificações precisam ser feitas. Alguns consideram colocar logo Endrick como titular, junto com Vinicius Jr. Mas o meio de campo também precisa de algumas modificações. Lucas Paquetá não foi bem nessas partidas, assim como nas laterais.

Dorival tem doze dias pela frente para treinar a Seleção e ver qual a melhor alternativa e elenco titular para a Copa América. O Brasil estreia no dia 24 de junho, contra a Costa Rica. A bola rola em Los Angeles, às 22h (de Brasília). Além da Costa Rica, a Seleção tem Colômbia e Paraguai como adversários no grupo D da competição.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade