PUBLICIDADE

Marcelo diz que foi agarrado e reclama pênalti no 2º tempo

17 jun 2014 19h12
| atualizado às 19h43
ver comentários
Publicidade

Após o empate sem gols entre Brasil e México, o lateral esquerdo Marcelo reclamou que teria sofrido um pênalti não marcado pelo árbitro Cuneyt Cakir, no segundo tempo do duelo no Estádio castelão, no Ceará. "Na hora que eu domino a bola, bate nele (jogador mexicano), volta para mim, quando vou controlar ele me agarra e eu caio. Nao sei se dava pra seguir com a jogada", comentou o atleta, em entrevista à Rede Globo.

<p>Marcelo (dir.) canta o hino nacional ao lado de Luiz Gustavo antes do jogo</p>
Marcelo (dir.) canta o hino nacional ao lado de Luiz Gustavo antes do jogo
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

No lance reclamado pelo lateral, no segundo tempo, ele recebeu a bola, tentou passar pelo defensor, que colocou a mão no ombro. Marcelo caiu e pediu a marcação de um puxão, mas o árbitro entendeu que não houve irregularidade no lance.

Empate entre Brasil e México frustra torcida paulista:

Sobre o placar, ele afirmou que não foi um mau resultado. "Sabíamos que seria muito difícil e não dava para perder. O empate está de bom tamanho, pela equipe do México, pelo que eles jogaram. Temos um jogo pela frente para ganhar e classificar", comentou.

A ausência do atacante Hulk na partida também foi lembrada por Marcelo. "Hulk é um grande jogador, óbvio que faz falta, mas temos outros que podem jogar e suprir a ausência dele."

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade