PUBLICIDADE
Logo do

Seleção Brasileira

Meu time

Chegada de "europeus" tem selfie, proposta hilária e atraso

1 set 2014 18h45
| atualizado às 18h55
ver comentários
Publicidade
<p>Neymar e David Luiz tiraram fotos com crianças na frente do hotel</p>
Neymar e David Luiz tiraram fotos com crianças na frente do hotel
Foto: Bruno Domingos/Mowa Press / Divulgação

A Seleção Brasileira se apresentou à Dunga em duas partes, nesta segunda-feira: pela manhã apareceram os jogadores que atuam no Brasil. Já os "europeus" só deram as caras à tarde, inclusive Neymar - que não falou com a imprensa, mas atendeu fãs na porta do Hotel Mandarin Oriental, em Miami (EUA). Outro muito requisitado pelas crianças foi David Luiz, que inclusive recebeu uma proposta hilária. O único ausente foi o volante Fernandinho, que vai atrasar na apresentação por motivos burocráticos.

A presença de torcedores foi bem tímida nesta apresentação dos jogadores. Apenas quatro crianças, acompanhadas por maiores, pediam por fotos e autógrafos dos jogadores. E o agito entre elas foi enorme quando Neymar chegou ao hotel. O atacante ouviu os gritos e foi atendê-las. Tirou um "selfie" com uma delas e deu autógrafo. Uma mãe chegou a ficar brava porque a filha não conseguiu uma coisa nem outra.

Mas Neymar foi um dos últimos "europeus" a chegar. Antes veio, por exemplo, a dupla de zagueiros do Paris Saint-Germain. David Luiz mostrou seu otimismo habitual e também tirou fotos com as crianças. Uma delas até pediu o número de telefone do zagueiro, que respondeu com bom humor: "se você fosse mais velha, quem sabe".

Já Marquinhos esteve mais tímido e comentou sobre a ansiedade de voltar à Seleção: "não vejo a hora de entrar e poder jogar. Ainda não conheço o Dunga, mas já sei como é o trabalho mais ou menos", afirmou ele, contando ainda que Dunga não ligou para os jogadores antes ou depois das convocações.

Depois da dupla do PSG, apareceu um grande grupo de jogadores, todos vindos da Inglaterra: um quarteto do Chelsea (Willian, Ramires, Filipe Luis e Oscar) e Philipe Coutinho, do Liverpool. Caçula e principal novidade do grupo, o meia comemorou a chance na Seleção: "estou bem feliz, espero fazer meu melhor e aproveitar a oportunidade. A gente trabalha para isso e é o principal objetivo de todo jogador".

Fernandinho, do Manchester City, chegaria junto com esses jogadores "ingleses", mas um problema com o visto americano o atrapalhou. Ele não teve tempo para cuidar de todos trâmites e pode ser prejudicado por isso, afinal só chegará na quarta-feira e perderá dois treinos com a Seleção Brasileira - um regenerativo e outro de campo.

O primeiro amistoso do Brasil nos EUA será contra a Colômbia, nesta sexta-feira. Depois a equipe irá para New Jersey, onde enfrentará o Equador. São os dois primeiros compromissos desde que Dunga reassumiu a Seleção.

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade