PUBLICIDADE
Logo do Botafogo

Botafogo

Favoritar Time

'Há coisas que só acontecem ao Botafogo': saiba como surgiu a frase

A frase que virou folclore no futebol brasileiro nasceu por um alvinegro. O escritor e jornalista Paulo Mendes Campos (1922-1991), na crônica "O Botafogo e Eu", de 1957

4 dez 2023 - 11h40
(atualizado às 11h40)
Compartilhar
Exibir comentários
Botafogo perde título do Brasileirão
Botafogo perde título do Brasileirão
Foto: Wagner Meier/Getty Images / Esporte News Mundo

A derrocada (com requintes de crueldade) do Botafogo no Campeonato Brasileiro fez uma frase ficar em alta entre os torcedores brasileiros: "Há coisas que só acontecem ao Botafogo". No último domingo, o Alvinegro perdeu as chances matemáticas de faturar o título que parecia tão perto.

O Glorioso, que chegou a liderar a competição com 14 pontos de diferença para o Palmeiras, agora vê o Alviverde abrir três pontos de vantagem e se aproximar da conquista nacional a duas rodadas do fim. A queda inesperada faz diversos fãs de futebol usarem a frase citada acima, mas poucos sabem os detalhes da origem do termo.

A frase que virou folclore no futebol brasileiro nasceu por um alvinegro. O escritor e jornalista Paulo Mendes Campos (1922-1991), na crônica "O Botafogo e Eu", de 1957, deu origem ao termo "Há coisas que só acontecem ao Botafogo". Na crônica, ele se compara ao clube do coração em coisas boas e ruins. O texto foi publicado no Diário Carioca na sequência a uma derrota por 1 a 0 para o Fluminense.

A derrota em questão havia tirado o Botafogo da liderança do Campeonato Carioca, mas o melhor estava por vir. Pouco depois, em dezembro, o Botafogo conseguiu uma goleada espetacular na decisão estadual e ficou com o título: 6 a 2 no Fluminense, com cinco gols de Paulo Valentim e um de Garrincha. À época, o Botafogo não era campeão carioca desde 1948.

Em 2023, o Botafogo fez um primeiro turno espetacular no Brasileirão, mas desmoronou na segunda metade. O clube amarga empates ou derrotas nos minutos finais dos jogos e está há 10 partidas sem vencer. Agora, o time carioca está na quinta posição e precisa de uma vitória contra o Internacional, na quarta-feira, no Beira-Rio, para buscar a classificação direta para a Conmebol Libertadores.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Publicidade