PUBLICIDADE
Logo do Botafogo

Botafogo

Favoritar Time

Empresa de John Textor prevê quase R$ 500 milhões em receitas para o Botafogo em 2024

Eagle Holding fala em receita recorde e prevê quitação de 20% das dívidas nesta temporada. Empresa está à frente do Alvinegro desde 2022

15 fev 2024 - 18h40
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Vitor Silva/Botafogo - Legenda: John Textor é dono da SAF do Botafogo desde o início de 2022 / Jogada10

A Eagle Holding, empresa do norte-americano John Textor, prevê números altos de receita para o Botafogo em 2024. Afinal, nesta quinta-feira, o grupo divulgou dados que citam que o Glorioso deverá receber 97 milhões de dólares (R$ 482 milhões) nesta temporada.

Dessa forma, caso estes números se confirmem ao final do ano, o Alvinegro terá um recorde. Desde 2022, quando Textor chegou ao clube, o Botafogo vem aumentando suas receitas ano após ano.

Mas outro ponto que animou o torcedor botafoguense é que a Eagle Holding afirmou que pretende também reduzir a dívida do clube. Dessa forma, a expectativa da empresa é que ao menos 20% dos valores sejam reduzidos.

Receitas do Botafogo desde a chegada da empresa de Textor

- 2022: 24 milhões de dólares (R$ 119,32 milhões)

- 2023: 78 milhões de dólares (R$ 387,79 milhões)

- 2024 (previsto):  97 milhões de dólares (R$ 482,25 milhões)

Aumentos do Botafogo em 2023 em relação ao ano anterior

- Ganhos em direitos de televisão: + 2,6 milhões de dólares (R$ 12,9 milhões)

- Vendas de ativos: + 16 milhões de dólares (R$ 79,5 milhões)

- Patrocínio: + 5,4 milhões de dólares (R$ 26,8 milhões)

- Eventos e matchday no Nilton Santos: + 6,6 milhões de dólares (R$ 32,8 milhões)

- Premiações de competições: + 9,4 milhões de dólares (R$ 46,7 milhões)

- Vendas de uniformes/merchandising: + 2,4 milhões de dólares (R$ 11,9 milhões)

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Publicidade