0
Logo do BOA EC
Foto: Antonio Cicero/FramePhoto / Gazeta Press

BOA EC

Dois reforços são contratados para acabar com a seca de gols do Boa

21 jul 2015
18h12
  • separator
  • comentários

O Boa Esporte enfrenta uma seca de gols na Série B do Campeonato Brasileiro. Sem marcar há três jogos, o time de Varginha já está tomando precauções para que essa situação não se estenda durante o resto da temporada, dando chances para que um eventual rebaixamento da equipe assombre o elenco. No momento, o time comandado pelo técnico Moacir Júnior ocupa a 17ª colocação, com 12 pontos e faz parte do grupo dos quatro time que cairão para a Série C.

Para sanar essa falta de poderio ofensivo, a diretoria do clube acertou com dois novos atacantes: Tadeu e Felipe Alves, ambos com a missão de tirar o Boa do título de segundo pior ataque do campeonato.

Tadeu foi revelado pelo Cruzeiro, mas possui passagens por São Paulo, Sport e Palmeiras. Atualmente estava atuando no futebol iraniano, mas voltou graças à oportunidade que terá de jogar a Série B e ajudar o time boveta na competição.

O outro reforço, Felipe Alves, é atual campeão paraibano onde conquistou o título atuando pelo Campinense. Com a camisa rubro-negra, o atacante jogou oito partidas e marcou três gols. Revelado pelo Atlético-PR, o atleta também passou por ABC, Santa Cruz-AL, Vila Nova, Santa Cruz-RN, Alecrim e São Luiz.

Os atletas já estão integrados a equipe e treinam com o resto do elenco nesta semana que servirá de preparação para o duelo contra o América-MG, na próxima sexta-feira, às 19h30, no Independência.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade