PUBLICIDADE
Logo do

Bahia

Meu time

Estudo faz balanço de medalhistas paralímpicos no Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência

21 set 2021 12h32
| atualizado às 12h32
ver comentários
Publicidade

Esta terça-feira é uma data que tem como objetivo a conscientização sobre a importância do desenvolvimento de meios de inclusão das pessoas com deficiência na sociedade. O Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência foi instituído em 1982 por movimentos sociais e oficializado em 2005 pelo então vice-presidente José Alencar.

Os Jogos Paralímpicos de Tóquio novamente tiveram papel fundamental em mostrar a eficiência dos atletas para toda a sociedade. De acordo com o departamento de Ciências do Esporte do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), os atletas com deficiência física representaram cerca de 63,9% do total dos medalhistas brasileiros que subiram ao pódio nos Jogos.

No total, os atletas com deficiência física conquistaram 46 medalhas das 72 do Brasil na competição. Foram 10 ouros, 14 pratas e 22 bronzes. Já os com deficiência visual, conquistaram 20 medalhas do total, enquanto os com deficiência intelectual contribuíram com a campanha brasileira em Tóquio com seis pódios.

O Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência também foi lembrado por clubes de futebol, como o Bahia e a Portuguesa.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade