0

David Coulthard incentiva Lewis Hamilton a ficar com a Mercedes

11 jan 2020
10h51
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

David Coulthard acredita que Lewis Hamilton não precisa terminar sua carreira na Ferrari, sugerindo que o relacionamento que ele tem com a Mercedes não será superado em nenhum outro lugar. Hamilton conquistou cinco títulos desde que ingressou na Mercedes em 2013 e pode igualar o recorde de Michael Schumacher de sete títulos em 2020.

Foto: ANDREJ ISAKOVIC / AFP
Foto: ANDREJ ISAKOVIC / AFP
Foto: F1Mania

Coulthard sabe como é passar várias temporadas em um único time, ficando na McLaren por nova temporadas completas antes de se mudar para a Red Bull.

Ele disse na Autosport International de 2020: “Tenho certeza de que ele está conversando com a Ferrari…, mas ele só esteve na Mercedes. Por que quebrar isso?

"Algumas pessoas querem essa reviravolta em suas vidas, mas acho que Lewis está muito feliz no território de língua inglesa. Grã-Bretanha e América. América por seu tempo de jogo, Grã-Bretanha por suas corridas.

“Não acho que ele precise da parte emocional que viria com a Ferrari. E não acredito que o escudo da Ferrari esteja gravado em sua mente desde que ele era um garoto pequenino. Então, por que fazer isso? Dinheiro? Ele tem bastante."

Quer assistir ao vivo às corridas da Indy, Fórmula 2, Fórmula 3 e Superbike? Acesse http://f1mania.vc/4K e experimente a DAZN grátis por 1 mês!

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/HA74fR3PiN1AOcPsVZjBaT

Inscreva-se em nosso canal no YouTube: https://www.youtube.com/user/f1mania?sub_confirmation=1

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – F1MANIA VISITA HOMENAGENS A AYRTON SENNA EM IMOLA:

500 MILHAS DE KART GRANJA VIANA 2019 | Melhores Momentos da 23ª edição:

Fórmula 1 faz tributo à Ayrton Senna no Parque do Ibirapuera:

FÓRMULA E | EL-DIRIYAH – CORRIDA 2 | MELHORES MOMENTOS:

Visitamos o DAYTONA INTERNATIONAL SPEEDWAY | FÉRIAS F1MANIA:

Veja também:

Veja como ficou carro de piloto da F1 após acidente com fogo
F1Mania
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade