PUBLICIDADE

Em jogo de trapalhadas, Vasco vence América-RN e vai às 8ªs

22 jul 2015 23h56
| atualizado em 23/7/2015 às 17h24
ver comentários
Publicidade

O torcedor que compareceu à Arena das Dunas na noite desta quarta-feira não viu uma grande apresentação de futebol, mas, se tiver bom humor, deu gostosas risadas. Isto porque o Vasco derrotou o América-RN por 3 a 2 em jogo que ficou marcado pelas trapalhadas das defesas das duas equipes. Os erros que geraram o placar ajudaram a equipe carioca a confirmar presença nas oitavas de final da Copa do Brasil, já que já havia vencido o jogo de ida por 3 a 1. Veja como foi a partida minuto a minuto.

Vasco garante classificação com trapalhadas de goleiro rival:

O goleiro Gustavo Busatto foi o Didi Mocó da vez na hora de liderar as trapalhadas. O arqueiro do América-RN errou feio em dois gols do Vasco e acabou com qualquer chance de classificação da equipe da casa. Do lado vascaíno, Aislan foi no mínimo um Dedé Santana, já que errou em gol dos potiguares.

Riascos dança para comemorar o segundo gol do Vasco
Riascos dança para comemorar o segundo gol do Vasco
Foto: Paulo Fernandes/Vasco / Divulgação

O Vasco abriu o placar aos 20min do primeiro tempo, com Riascos, aproveitando o rebote. O colombiano dançou muito na comemoração e teve a oportunidade de demonstrar seu suingue novamente no fim da etapa inicial, já que ampliou com a colaboração de Busatto: o goleiro saiu errado da meta, acertou pontapé no rosto do zagueiro Cleber e permitiu ao atacante tcar para o fundo das redes ainda com drible em Flavio Boaventura.

O América-RN cresceu depois do intervalo e quis mostrar que ainda teria chances de se classificar. Aos 5min, o goleiro Jordi derrubou Adriano Pardal na área, e Cascata converteu o pênalti. Pouco depois, o zagueiro Aislan errou na hora de afastar bola cruzada por Maguinho, e Pardal igualou o marcador.

Jogadores do Vasco fazem a festa em Natal
Jogadores do Vasco fazem a festa em Natal
Foto: Paulo Fernandes/Vasco / Divulgação

Virada para os potiguares? Não. Isto porque, aos 29min, Rafael Busatto viu a bola ser lançada em direção à área e saiu do gol para agarrá-la, mas se enganou com o tempo e levou um "chapéu". Ficou fácil para Rafael Silva, que tocou de cabeça para fazer o terceiro. Digno dos Trapalhões.

América-RN 0 x 1 Vasco - 20min do primeiro tempo
Madson apoiou pela direita e descolou bom cruzamento na área. A zaga afastou parcialmente, e Riascos pegou sobra para abrir o placar.

América-RN 0 x 2 Vasco - 44min do primeiro tempo
Riascos aproveitou "trombada" entre Cleber e Bussato, ficou com a bola, fintou Flavio Boaventura e empurrou para as redes.

América-RN 1 x 2 Vasco - 6min do segundo tempo
Cascata cobrou pênalti no meio do gol e fez o primeiro para os potiguares.

América-RN 2 x 2 Vasco - 11min do segundo tempo
Maguinho descolou cruzamento na área e Aislan afastou mal. Adriano Pardal aproveitou o rebote e empatou.

América-RN 2 x 3 Vasco - 11min do segundo tempo
Rafael Silva aproveitou a falha grotesca de Bussato e colocou o Vasco na frente.

FICHA TÉCNICA
AMÉRICA-RN 2 X 3 VASCO

Local: Arena das Dunas, em Natal (RN)
Data: 22 de julho de 2015, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Luis Teixeira Rocha (RS)
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (RS) e Clóvis Amaral da Silva (PE)
Cartão Amarelo: Flávio, Cascata, Adriano Pardal, Zé Antonio (América); Aislan (Vasco)
Público: 15.020 pagantes
Gols:
AMÉRICA: Cascata, aos dois minutos e Adriano Pardal aos seis minutos do segundo tempo
VASCO: Riascos, aos 19 e 44 minutos do primeiro tempo; Rafael Silva, aos 30 minutos do segundo tempo

AMÉRICA: Busatto, Maguinho, Flávio, Cleber e Rafael; Judson, Zé Antonio, Cascata (Mateus Leandro) e Álvaro (Bruno Farias); Adriano Pardal (Reis) e Max
Técnico: Roberto Fernandes

VASCO: Jordi, Madson, Rodrigo, Aislan e Christianno (Julio Cesar); Anderson Salles, Pablo Guiñazu, Serginho e Jhon Cley ; Thalles (Emanuel Biancucchi)e Riascos (Rafael Silva)
Técnico: Celso Roth

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade