PUBLICIDADE

Preço médio da gasolina nos postos sobe para R$ 5,75 por litro após aumento do ICMS

Valor fixo do imposto sobre o combustível teve alta de R$ 0,15 por litro desde 1º de fevereiro; preços praticados pela Petrobras aos distribuidores ficaram estáveis no período

9 fev 2024 - 19h15
Compartilhar
Exibir comentários

RIO - O preço médio da gasolina nos postos de abastecimento do País subiu 3,4%, para R$ 5,75 por litro na semana entre os dias 4 e 10 de fevereiro. Nos sete dias anteriores, na média, a gasolina custou R$ 5,56 ao consumidor final. As informações são da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Bicombustíveis (ANP).

Como os preços praticados pela Petrobras aos distribuidores ficaram estáveis nas últimas semanas, essa alta da gasolina nas bombas está diretamente ligada ao aumento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que incide sobre o insumo em todo o Brasil.

O valor fixo do imposto sobre a gasolina saltou de R$ 1,22 para R$ 1,37 por litro (R$ 0,15) desde 1º de fevereiro. Foi a primeira semana cheia de incidência da nova taxa, transferida pela cadeia ao consumidor final.

O aumento do imposto foi uma decisão do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) para recuperar a arrecadação dos Estados, após o corte feito em junho de 2022 pelo governo Jair Bolsonaro, que reduziu as então alíquotas a 18%. O decreto foi publicado no Diário Oficial da União ainda em outubro do ano passado.

Preço da gasolina nos postos brasileiros subiu em média 3,4%
Preço da gasolina nos postos brasileiros subiu em média 3,4%
Foto: DANIEL TEIXEIRA / ESTADÃO / Estadão

Outro fator de influência para a alta no preço final da gasolina ao consumidor é o etanol anidro, que compõe 27,5% da mistura da gasolina comum e tem visto o preço nas usinas paulistas aumentar nas últimas semanas.

De 28 de dezembro até 2 de fevereiro, o etanol anidro acumula alta de 12,3%, com quatro altas e somente uma queda, segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada da Escola Superior de Agricultura da Universidade de São Paulo (Cepea/Esalq-USP). O preço médio da presente semana não havia sido publicado pela instituição até a publicação desta matéria.

Diesel

O preço médio do diesel S10 teve alta de 1%, para R$ 5,98 por litro, entre 4 e 10 de fevereiro. Nos sete dias anteriores, na média, o litro do diesel S10 custou R$ 5,92 ao consumidor final.

A alta também se deve ao aumento do ICMS. O valor fixo do imposto sobre o diesel saltou de R$ 0,94 para R$ 1,06 por litro (R$ 0,12).

Gás de cozinha

O aumento do imposto também valeu para o gás liquefeito de petróleo, impactando o preço final médio do botijão de 13 quilos do produto, consumido sobretudo pelas camadas mais pobres da população.

Segundo a ANP, esse botijão de GLP viu o preço médio nacional aumentar em 1,2%, para R$ 101,94, na semana entre os dias 4 e 10 de fevereiro. Nos sete dias anteriores, o preço foi de R$ 100,67.

Estadão
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade