2 eventos ao vivo

Petrobras pode avaliar política de hedge para diesel após fim de subsídio, diz CEO

10 set 2018
11h51
atualizado às 12h15
  • separator
  • 0
  • comentários

A Petrobras deve estudar a possibilidade de utilizar operações de hedge para evitar um excesso de volatilidade nos reajustes do diesel, após o encerramento de uma política de subsídios ao combustível no Brasil que deve vigorar até o final do ano, disse a jornalistas nesta segunda-feira o presidente da petroleira, Ivan Monteiro.

Presidente da Petrobras, Ivan Monteiro, durante coletiva de imprensa em São Paulo 10/09/2018 REUTERS/Nacho Doce
Presidente da Petrobras, Ivan Monteiro, durante coletiva de imprensa em São Paulo 10/09/2018 REUTERS/Nacho Doce
Foto: Reuters

A fala vem após a estatal ter anunciado na semana passada uma política de hedge para a gasolina que já entrou em vigor.

"A gente vai olhar principalmente o que está acontecendo em relação a essa experiência na gasolina e eventualmente poderia aplicar no diesel também... agora ainda é muito preliminar... é algo que a gente pode vir a fazer também para o diesel, mas até o momento sem nenhum tipo de decisão interna na companhia", disse Monteiro, durante coletiva de imprensa em São Paulo.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade