PUBLICIDADE

IBGE: após duas quedas, serviços sobem 2,4% em novembro

Na comparação com novembro de 2020, houve alta de 10%

13 jan 2022 09h24
| atualizado às 09h38
ver comentários
Publicidade

O volume de serviços prestados no País subiu 2,4% em novembro ante outubro, de acordo com os dados da Pesquisa Mensal de Serviços divulgados nesta quinta-feira, 13, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado vem após os recuos de 1,6% em outubro e de 0,7% em setembro.

IBGE fez uma pesquisa mensal Geraldo Magela Agência Senado
IBGE fez uma pesquisa mensal Geraldo Magela Agência Senado
Foto: Geraldo Magela / Agência Senado

O resultado de novembro ficou acima do teto das estimativas dos analistas ouvidos pelo Projeções Broadcast, que previam desde uma queda de 1,0% a uma alta de 1,5%, com mediana positiva de 0,1%.

O setor que apresentou maior alta no período foi o de informação e comunicação, com 5,4%. Também subiram no mês de novembro transportes (1,8%), serviços prestados às famílias (2,8%) e setor de outros serviços (2,9%).

A única queda no mês foi no setor de serviços profissionais, administrativos e complementares, com -0,3%, a quarta taxa negativa consecutiva, acumulando perda de 3,7%.

Comparação anual

Na comparação com novembro de 2020, houve alta de 10%, já descontado o efeito da inflação. Esta comparação também ficou acima das previsões, que eram de uma elevação de 4,8% a 7,8%, com mediana positiva de 6,7%.

A taxa acumulada no ano de 2021 foi de alta de 10,9%. Em 12 meses, os serviços subiram 9,5%.

A receita bruta nominal do setor de serviços subiu 1,9% em novembro ante outubro. Na comparação com novembro de 2020, houve avanço de 15,5% na receita nominal.

Estadão
Publicidade
Publicidade