0

Mick Jagger sobre Bono: "Me deixou preocupado sobre o Glastonbury"

Mick Jagger, frontman dos Rolling Stones, revelou esta semana que o cantor Bono, líder do U2, o tirou do sério quando lhe avisou que ser headliner do Glastonbury Festival não era uma tarefa fácil e que era um dos shows mais difíceis do mundo. O U2 se apresentou no Glastonbury em 2011, mas naquela ocasião […]

27 jun 2020
17h38
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Mick Jagger, frontman dos Rolling Stones, revelou esta semana que o cantor Bono, líder do U2, o tirou do sério quando lhe avisou que ser headliner do Glastonbury Festival não era uma tarefa fácil e que era um dos shows mais difíceis do mundo.

Foto: Stephen Lovekin | Getty Images
Foto: Stephen Lovekin | Getty Images
Foto: The Music Journal

O U2 se apresentou no Glastonbury em 2011, mas naquela ocasião eles passaram por momentos difíceis devido à chuva e a lama no festival. Com isso Bono resolveu conversar com Jagger para falar sobre sua experiência e acabou deixando o vocalista dos Stones nervoso antes de sua apresentação em 2013.

"Falei com Bono quando ele teve sua experiência em Glastonbury, que ele disse que foi um dos dias mais difíceis que ele já teve em um concerto - foi incrivelmente difícil por causa do clima", explicou Mick Jagger em entrevista ao britânico The Guardian. "Eu tinha medo que fosse o mesmo para nós, mas não acabou assim".

"Fiz show para multidões, mas normalmente quando você faz para essas multidões, muitas vezes não as vê", explicou Mick Jagger. "Nesse caso, porém, a multidão sob a colina estava iluminada por labaredas. Você podia ver 100 mil pessoas, o que era incrível. A multidão era incrivelmente solidária, vibrante, entusiasta e exuberante", disse.

Em 2020, o Glastonbury Festival foi cancelado em decorrência da atual pandemia do coronavírus.

Veja também:

Kanye West candidato à presidência dos EUA é real?
The Music Journal The Music Journal Brazil
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade