PUBLICIDADE

Lizzo chora por ataques racistas e gordofóbicos após clipe

"Estou colocando tanto amor no mundo e, às vezes, parece que o mundo não me ama de volta", desabafou a cantora

17 ago 2021 14h19
| atualizado às 14h26
ver comentários
Publicidade
Lizzo compartilhou desabafo em live no Instagram
Lizzo compartilhou desabafo em live no Instagram
Foto: Instagram/ @lizzobeeating / Estadão

A cantora norte-americana Lizzo compartilhou um desabafo, chorando, nesta segunda-feira, 16, após ser alvo de racismo e gordofobia, nas redes sociais. Os ataques ocorreram depois do lançamento do clipe de Rumors.

A música da cantora em parceria com Cardi B foi ao ar na última sexta-feira, 13. No vídeo, as duas artistas aparecem perfomando juntas, vestidas de deusas gregas.

"É gordofóbico, é racista e é agressivo. Se você não gosta da minha música, tudo bem, se você não gosta de Rumours, tudo bem, mas muita gente não gosta de mim por causa da minha aparência", disse em live no Instagram.

"Estou colocando tanto amor e energia no mundo e às vezes parece que o mundo não me ama de volta. Não importa a quantidade de energia que você coloca, ainda terão pessoas dizendo coisas hostis contra você", lamentou.

"Eu faço isso pelas garotas gordas pretas do futuro que só querem viver suas vidas, sem serem crucificadas ou colocadas em caixas. Eu não vou fazer o que vocês querem que eu faça, então se acostumem. Mas, eu vou fazer boas músicas e ser uma artista incrível. E continuar ajudando pessoas e me ajudando", acrescentou.

No Twitter, Cardi B lamentou os ataques sofridos pelo clipe e pela amiga: "Rumours está indo muito bem. Parem de falar que uma música é um fracasso só para fazer bullying. Isso é maldoso e racista".

A atriz Jameela Jamil também prestou apoio a artista: "A Lizzo faz uma música sobre as pessoas atacando mulheres. O Twitter vira um vulcão de abusos sobre o talento e a aparência dela. Depois ela faz um vídeo lamentando isso tudo e vira piada porque chorou. Doentio".

Assista ao clipe:

Estadão
Publicidade
Publicidade