PUBLICIDADE

K-dot faz show histórico no Brasil

8 nov 2023 - 13h13
(atualizado às 13h19)
Compartilhar
Exibir comentários

Dia 05 de novembro de 2023, segundo dia de GP Week em São Paulo, e como headliner ele, Kendrick Lamar. Uma noite que sinceramente nem o rapper sabia o que aconteceria, uma energia surreal do início ao fim. K.Dot começa seu show com o pé na porta, com efeitos de fogos, rimas aceleradas, trazendo o público à loucura. 

O setlist trouxe um pouco de cada álbum, a faixa "Element" os brasileiros cantaram de cabo a rabo, em seguida ele puxou um coro com a galera de "A.D.H.D" e logo após mixou "King Kunta", e foi o pico surpresa para todes.  O show se desenrolava por dois telões que apresentavam efeitos no próprio show ao vivo, esses efeitos foram muito presentes na música "Swimming Pools (Drank)". 

A energia continuou alta com "m.A.A.d city", "LOYALTY" feat com Rihanna, "HUMBLE", "DNA", até chegar a "Count Me Out" com uma performance alinhada com os 6 dançarinos que o acompanhavam no palco. 

Explicando a performance desses artistas junto a Kendrick é que eles eram clones do rapper, usando máscaras com o rosto do K-dot e tranças nagô. Lá para o meio do show, Kendrick quebra o protocolo chamando Thundercat ao palco, e esse momento foi incrível, pois ele disse que sem o virtuoso baixista não haveria To Pimp A Butterfly e ainda tiraram fotos juntos com o público atrás. 

Ah, e teve um momento fã no show no qual Kendrick assina um disco de vinil de To Pimp A Butterfly do seu fã Gabriel, que por sinal foi um baita sortudo! Continuando o show "Money Trees" e "Bitch, Don't Kill My Vibe" estremeceram o Allianz Parque até que tudo se apaga, Kendrick agradece e sai do palco. 

O público fica confuso, algumas pessoas saem do estádio, outras ficam gritando o nome do rapper, outras chorando, outras gritando, todo mundo sem entender, mas quem estava ligade, sabia que algo ia acontecer e… aconteceu! 

Ele volta cantando "Alright" e a partir daquele momento todos nós sabíamos que ia ficar tudo bem! E se preparem porque o kingo disse que vem ao Brasil novamente! Já estamos esperando.

Texto por Shamilla: cantora, compositora e pesquisadora musical.

AUR
Compartilhar
Publicidade
Publicidade