PUBLICIDADE

Rodrigo Mussi recebe alta do hospital; relembre trajetória do ex-BBB

Segundo nota, influenciador está disposto e foi transferido para realizar reabilitação intensiva em outro local

28 abr 2022 15h19
ver comentários
Publicidade
Rodrigo Mussi, participante do 'Big Brother Brasil' 22, recebeu alta do Hospital das Clínicas, em São Paulo.
Rodrigo Mussi, participante do 'Big Brother Brasil' 22, recebeu alta do Hospital das Clínicas, em São Paulo.
Foto: Instagram/@rodrigo.mussi / Estadão

Rodrigo Mussi teve alta do Hospital das Clínicas, em São Paulo, nesta quinta-feira, 28. O ex-participante do Big Brother Brasil 22 estava internado desde o dia 31 de março, após sofrer um acidente de carro na Marginal Pinheiros, próximo da Ponte Eusébio Matoso.

De acordo com um boletim médico divulgado pela família, Mussi está "disposto e muito focado". Ele foi transferido para realizar a reabilitação intensiva em outro local.

O influenciador sofreu um traumatismo craniano e teve fraturas pelo corpo, mas conseguiu se recuperar. Ele passou por três cirurgias e teve alta da UTI na manhã do dia 20 de abril.

O gerente comercial estava em um carro de aplicativo no momento do acidente. O motorista afirmou, em entrevista à TV Globo, que pediu para Mussi colocar o cinto de segurança, o qual o ex-BBB não utilizou.

O condutor do veículo acredita que tenha cochilado ao volante antes de bater na traseira de um caminhão de soja. "Só vi o airbag na minha cara, provavelmente devo ter dado uma cochilada, sono, alguma coisa, e infelizmente teve esse acidente", disse o motorista à TV Globo.

Relembre a trajetória de Rodrigo Mussi

O início da vida de Mussi foi conturbado. O paulista, natural de São José dos Campos, no interior de São Paulo, foi expulso da casa da mãe aos 12 anos de idade. Só lhe restou a alternativa de morar com o pai, mas aos 18 anos, ele foi novamente expulso de casa. Tendo que se virar sozinho, o influenciador começou um estágio em um banco e com o dinheiro alugou sua própria casa e financiou a faculdade.

Aos 21 anos, tornou-se o gerente de banco mais novo do Brasil. Enquanto sua vida profissional decolava, na vida pessoal ainda havia problemas do passado a serem resolvidos. Quando a relação dele com o pai, que foi conturbada durante o período que viveram juntos, se estabilizava, Mussi viu seu parente próximo morrer em um acidente de carro.

"Ele começou a se reaproximar e me chamou para sair, me pediu desculpas, o que me pegou de surpresa. Nesse dia, resolvi segui-lo de carro até em casa. Vi ele bater, saí correndo, mas morreu no meu colo", disse o ex-BBB em entrevista ao Gshow.

Após a morte do pai, o modelo se mudou para a Austrália para estudar marketing e lá trabalhou como pedreiro, lavador de louça, bartender e chegou até mesmo a se casar com uma brasileira, se divorciando dois anos depois.

Participação no Big Brother Brasil

Rodrigo Mussi participou do BBB 22, sendo o segundo eliminado da edição. Desde o anúncio de sua participação, o brother chamou a atenção pela postura destemida, que se mostrou presente durante a breve passagem dele pelo reality. Mussi ficou conhecido por ter sede de jogo em uma edição marcada pelas relações apaziguadas e descompromissadas.

O modelo foi eliminado com 48,45% dos votos em um paredão que disputou entre as pipocas Jessi e Natália. Um dos pontos altos da participação de Mussi no programa foi o uso do termo pejorativo 'traveco', em uma conversa com Vinícius e Maria no quarto Lollipop. O gerente de contas se sentiu mal pela expressão e foi conversar com a camarote Linn da Quebrada, uma pessoa travesti, sobre o ocorrido.

Outro ponto alto da participação de Mussi no BBB 22 foram as brigas vividas pelo modelo com outros integrantes da casa, como Bárbara e Natália. No jogo da discórdia, ele e o campeão do reality, Arthur Aguiar, protagonizaram um dos momentos altos da edição. "Do nada, ele mudou comigo. Mas, eu entendi que ele tentou me pintar como vilão", disse o modelo a atribuir a qualidade 'não-confiável' a Aguiar.

No segundo paredão, Rodrigo Mussi foi anjo pela segunda semana consecutiva, mas foi indicado pelo líder Tiago Abravanel, o que gerou a eliminação do participante.

Fora da casa, o gerente de contas estabilizava uma carreira como influenciador e modelo até o momento do acidente. Desde então, a família de Mussi tem divulgado atualizações diárias sobre estado de saúde do ex-BBB para os seus mais 3,7 milhões de seguidores no Instagram.

Estadão
Publicidade
Publicidade