PUBLICIDADE

Filha de Nicette e Paulo Goulart sairá da UTI nesta 6ª

"Fiquei muito emocionada de poder vê-la e falar com ela, o que não pude fazer com a minha mãe", declarou a irmã Beth Goulart

14 mai 2021 12h12
| atualizado às 15h20
ver comentários
Publicidade

Barbara Bruno, 64, filha de Nicette Bruno, deve sair da UTI nesta sexta-feira, 14. Ela foi internada por complicações da covid-19 e teve de ser intubada no domingo, 2, em um hospital no Rio de Janeiro.

A atriz Barbara Bruno, primogênita de Nicette Bruno e Paulo Goulart
A atriz Barbara Bruno, primogênita de Nicette Bruno e Paulo Goulart
Foto: Instagram/@barbarabrunoatriz / Estadão

A informação da recuperação de Barbara foi compartilhada pela irmã dela, Beth Goulart, na noite desta quinta, 13. A atriz publicou um vídeo emocionada, no Instagram, contando que conversou com ela.

"Estou muito emocionada, porque acabei de falar com a minha irmã no telefone. Graças a Deus, ela está melhorando, se recuperando. Deve ir para o quarto amanhã, vai sair do CTI. Vai vencer essa doença", iniciou Beth.

"Eu fiquei muito emocionada de poder vê-la e falar com ela, o que não pude fazer com a minha mãe. Então, queria fazer um apelo a você: não brinque com essa doença! Ela é muito perigosa. Cuide-se e cuide de quem você ama! Use máscara, evite aglomeração, use álcool em gel e tome vacina. Precisamos de mais vacina, todos precisam ser vacinados o mais rápido possível", incentivou ela.

Nicette Bruno também contraiu o coronavírus, porém não resisitiu e morreu aos 87 anos, no fim do ano passado. Por isso, a filha da artista fez um pedido aos seguidores: "Valorize as pessoas que você ama. Dê amor, afeto e carinho. Demonstre esse amor, ele salva, cura e dá esperança".

Goulart também agradeceu as orações dos fãs e deixou mais um recado na legenda do post. "Continuamos com fé e esperança na recuperação total de minha irmã. Barbara, graças a Deus, está respondendo bem ao tratamento, estamos vencendo um passo de cada vez", finalizou ela.

Veja também:

Filhos falam da dor de passar Dia das Mães sem elas, mortas pela covid-19:

 

Estadão
Publicidade
Publicidade