PUBLICIDADE

Cantor gospel é denunciado por importunação sexual

Segundo denúncias de várias mulheres, Lucas Roque abordava as vítimas em lojas de roupas para mostrar o órgão genital dentro do provador

9 mar 2022 - 18h28
(atualizado às 18h55)
Ver comentários
Publicidade
Lucas Roque, da dupla gospel  com Gabriel
Lucas Roque, da dupla gospel com Gabriel
Foto: Divulgação / E+

Os fãs do mundo gospel mais uma vez foram surpreendidos na última terça-feira, 8, quando veio à tona acusações de assédio sexual contra o cantor gospel Lucas Roque, da dupla com Gabriel.  

Diante disso, nesta quarta-feira, 9,  o vereador Felipe César, cunhado do cantor gospel Lucas Roque, resolve usar as redes sociais para confirmar as acusações que estão sendo feitas contra o artista.

O caso aconteceu na cidade em que o cantor reside, em Vitória de Santo Antão (PE). De acordo com denúncias de várias mulheres, ele abordava as vítimas em lojas de roupas, assim mostrando o órgão genital para as vendedoras no provador.

No local, Lucas pedia para provar peças de roupas e mostrava o órgão genital ereto para as vendedoras, ou uma foto de suas partes íntimas em seu celular.

A TV Jornal de Pernambuco fez uma matéria sobre o caso e entrevistou várias mulheres que foram vítimas do cantor gospel. A polícia já está investigando o caso.

Felipe César, que é irmão da esposa de Lucas Roque, resolveu vir à público e confirmou toda a polêmica. Ele afirmou que está surpreso, e que toda a família está anestesiada com o caso. 

"Queridos, segunda-feira fui pego de surpresa com uma avalanche de informações que estou tentando manter a calma e pedindo orientação a Deus em tudo que faço, e em respeito as mulheres de minha cidade, repúdio veemente qualquer que seja o ocorrido pelo "cantor gospel" em nossa cidade.

Todos sabem do meu caráter e da minha história, eu acredito na recuperação de vidas mas não posso impedir que elas colham o que plantaram.

Estou tão surpreso quanto vocês, essa notícia nos abalou e não foi pouco, minha família está anestesiada com a situação; Diante mão, me coloco a disposição das vítimas para dar qualquer que seja o suporte psicológico e social", iniciou o vereador. 

"Estou em Brasília em busca de ações pra nossa cidade mas confesso que estou com o coração ferido diante das denúncias envolvendo meu cunhado.

Conheço o Lucas desde criança, sempre o apoiei pelo fato de ser uma criança, abandonada pela mãe, humilde, sem condições, com um talento maravilhoso que sempre foi usado para glorificação do reino de Deus.

Confesso que não conhecia o Lucas que está sendo denunciado, nunca imaginei que isso pudesse acontecer e não vejo motivos para que isso tivesse acontecido, nada justifica", continuou Felipe. 

"Acredito no arrependimento, no perdão, e na recuperação, mas casos como este não podem ficar impune e quem errou deve pagar pelos erros.

Peço oração por minha família, em especial por Ruth, que não saiu do lado de Lucas um minuto e respeitamos a decisão dela; Orem pelas vítimas, e orem pelo Lucas também, para que Deus o restaure e o transforme por completo", finalizou.

E+
Publicidade
Publicidade