0

CBLoL vai adotar sistema de franquias em 2021

Com o novo modelo, times vão comprar seus lugares no competitivo; Circuito Desafiante deve deixar de existir

21 jan 2020
16h20
atualizado às 16h29
  • separator
  • 0
  • comentários

A Riot Games anunciou que o Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL) adotará o sistema de franquias a partir de 2021. O modelo já é usado em torneios de outros países, como Estados Unidos e China. O anúncio foi feito em uma coletiva de imprensa em São Paulo, na manhã de terça-feira (21).

Com o sistema de franquia, os times terão de pagar um valor para garantirem suas vagas na competição; não existe rebaixamento nem promoção de equipes. Assim, o Circuito Desafiante, segunda divisão do competitivo, deve ser afetado. A Riot afirma que divulgará futuramente mais detalhes sobre o regulamento, a transição e a quantidade de times participantes. Para a empresa, há espaço para que outros campeonatos tomem o lugar do Circuito.

“Estamos seguros em construir esse processo. Pensar o CBLoL com sistema de franquia em 2021 é positivo e viável”, disse o diretor de Esports da Riot Games no Brasil, Carlos “Caco” Antunes. “É um investimento a longo prazo. Queremos pensar a próxima década do campeonato e chegar a outro patamar”, ressaltou.

Competitivo de League of Legends vai ganhar novo formato em 2021
Competitivo de League of Legends vai ganhar novo formato em 2021
Foto: Divulgação / Riot Games

O modelo é inspirado em ligas americanas, como a NFL, de futebol, e a NBA, de basquete. Os argumentos a favor são o incentivo a estruturas mais robustas ao cenário competitivo: as equipes passariam a ser mais valorizadas, gerar mais renda e estar mais suscetíveis a patrocínio. Por outro lado, críticos alegam que o modelo diminui a competitividade e a entrada de equipes novatas.

“As maiores ligas do mundo estão seguindo esse modelo. Em 2020, começa o processo de inscrição e conversas com os times interessados”, declarou Antunes ao Terra.

Por enquanto, o CBLoL mantém o seu formato tradicional. O torneio inicia o calendário deste ano com uma disputa entre paiN Gaming e Flamengo no sábado (25), às 13h. As partidas serão transmitidas ao vivo nos canais da Riot no YouTube e na Twitch.

Novos nomes

A transmissão do torneio ganhará novo formato e casters. Com a saída de Gustavo Docil da apresentação, Diniz “Gruntar” (ex-Circuito Desafiante) assumirá o cargo. Também entram para o time de analistas os ex-pro players Murilo “Takeshi” e Carlos “Nappon”. Os casters Melão, Skeat, Tixinha, GSTV e Schaeppi continuam na equipe.

Gruntar e Takeshi entram para o time de analistas do CBLoL
Gruntar e Takeshi entram para o time de analistas do CBLoL
Foto: Reprodução / Twitter

No Circuito Desafiante, a narração ficará com Arthur “Vecet” Rage, Dudu “Etsblade” e Gabriel “MiT” Souza. O Depois do Nexus contará com Gustavo “Baiano” Gomes, Matheus “Mylon” Borges, Letícia Motta e Ravena Dutra.

Patrocinadores

Os patrocínios das marcas Gilette, Red Bull e Dell foram renovados para a temporada 2020 do CBLoL. Neste ano, uma nova empresa entra para o quadro de patrocinadores: a Mastercard. Vice-presidente de comunicação, Sarah Buchwitz explicou que o patrocínio vem ao encontro de um reposicionamento da marca: “esport é uma das paixões dos nossos clientes”.

Veja também:

 

Fonte: Equipe portal
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade