PUBLICIDADE

Quem é Jaqueline Avant? Rainha Charlotte dedica seu primeiro episódio a alguém muito especial para chefão da Netflix

Rainha Charlotte: Uma História Bridgerton já está disponível na Netflix e primeiro episódio homenageia filantropa importante

4 mai 2023 - 18h45
Compartilhar
Exibir comentários

Primeira série da produtora de Shonda Rhimes para a Netflix, Bridgerton acabou sendo não apenas uma das melhores estreias da história da plataforma de streaming, mas também um verdadeiro marco para a empresa. Por quase um ano, até Round 6 tomar seu lugar, a ficção ambientada na Ingaterra acabou sendo a série mais assistida da história da Netflix em seus primeiros 28 dias.

Adaptada da série literária de romances de Julia Quinn, Bridgerton segue a divisão dos livros e tem cada uma de suas temporadas centrada na história de amor de um dos oito irmãos da família. Mas o sucesso foi tanto que Netflix e Shondaland não quiseram se contentar com a série titular, e agora estão lançando seu primeiro spin-off.

Rainha Charlotte: Uma História Bridgerton já está disponível na íntegra na Netflix, e as primeiras críticas não deixam dúvidas: vai ser um sucesso.

Se você já começou a assistir à série, deve estar se perguntando quem é Jacqueline Avant, a pessoa a quem o spin-off dedica seu primeiro capítulo, Futura rainha.

Jacqueline Avant era uma filantropa que dedicou sua vida à organização comunitária e ajudando comunidades pobres. Presidente da Neighbours of Watts, uma organização sem fins lucrativos dedicada a apoiar creches comunitárias, e esposa do executivo musical Clarence Avant, Jacqueline faleceu tragicamente aos 81 anos em sua casa em Beverly Hills, Califórnia, em 1º de dezembro de 2021, após ser baleada durante um assalto em sua casa.

Jacqueline Avant e seu marido, Clarence Avant
Jacqueline Avant e seu marido, Clarence Avant
Foto: Adoro Cinema

Além disso, Jacqueline era alguém especial para uma pessoa muito importante na Netflix: o co-CEO e chefe de conteúdo da empresa, Ted Sarandos, era seu genro. Toda a família ficou profundamente arrasada com o evento. Seu assassino foi condenado há poucos dias, em abril passado, a 190 anos de prisão pelo assassinato da mulher.

Avant era uma potência e uma figura importante em Hollywood e no entretenimento, além de ser "uma das raras mulheres negras a circular entre a alta sociedade [e Hollywood]", escreveu a autora e produtora de televisão Susan Fales-Hill na Town & Country sobre ela, já que trabalhava tanto com os podres de ricos quanto com os pobres.

Além disso, de alguma forma, como resume o ScreenRant, a vida de Avant tem sua própria ligação com a jornada da rainha Charlotte, que também circula na alta sociedade e, neste caso, dentro da realeza, ocupando uma lacuna racial com os membros da alta sociedade.

Leia o artigo em AdoroCinema

Bridgerton: Item polêmico foi banido da série da Netflix após reclamações do elenco

Rainha Charlotte é melhor que Bridgerton? Spin-off da Netflix traz mais um romance apaixonante para o mundo de Shonda Rhimes

Qual é a doença do Rei George em Rainha Charlotte: Uma História Bridgerton?

Adoro Cinema
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade