PUBLICIDADE

Gladiador: Pause o filme em 1 hora e 26 minutos para descobrir um pequeno detalhe que estraga a magia do cinema

Você conseguiu dar uma boa olhada nesse tanque na batalha contra os bárbaros de Cartago?

19 mai 2024 - 19h39
Compartilhar
Exibir comentários

Apesar de suas sequências de batalha inesquecíveis, do elenco impecável e da trilha sonora incrível, o filme Gladiador, de Ridley Scott, também tem, se você olhar com atenção e dedicar um tempo para estudá-lo com cuidado, algumas pequenas falhas. Já sabemos que ninguém é perfeito, e se nem mesmo o lendário Maximus de Russell Crowe consegue ser, quem somos nós para querer o impossível?

Foto: DreamWorks Pictures / Universal Pictures / Scott Free Productions / Adoro Cinema

Gladiador é um blockbuster de grande escala e, apesar do nível de cuidado com que Hollywood costuma trabalhar, é impossível controlar cada detalhe que compõe o filme. Nesse título em particular, há legiões de figurantes e os riscos de cometer um erro são proporcionais à quantidade colossal de efeitos visuais.

Embora seja muito difícil apreciá-los quando se assiste ao filme em velocidade normal, há alguns detalhes que podem tirá-lo da história se você se deparar com eles. Por exemplo, se você parar o filme em 1 hora, 26 minutos e 24 segundos, encontrará um detalhe muito curioso.

Durante a memorável cena entre os companheiros de Maximus e os bárbaros de Cartago, que ocorre na arena do Coliseu, é possível ver um tênis moderno, claramente não do Império Romano - de um dos figurantes.

Foto: Adoro Cinema

Esse não foi o único erro que apareceu na montagem. Apenas 12 segundos depois (1 hora, 26 minutos e 36 segundos), outro tanque aparece em cena e rola após ser atingido. Um lenço…

Leia o artigo em AdoroCinema

Imperdível no streaming: Este é o épico histórico que todos os fãs de Gladiador PRECISAM assistir

Quem é Paul Mescal? Saiba mais sobre a trajetória do protagonista de Normal People e Gladiador 2

Nem Coringa, nem Gladiador: Um dos filmes mais aclamados de Joaquin Phoenix é esta obra-prima da ficção científica

No streaming, o filme mais impressionante de Russell Crowe desde Gladiador: Um filme selvagem e divertido que merece uma segunda chance

Adoro Cinema
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade