0

Acadêmicos do Tatuapé é bicampeã do Carnaval de SP

A escola de samba, que fez homenagem ao Maranhão, abocanhou o título deste ano

13 fev 2018
17h50
atualizado em 14/2/2018 às 17h15
  • separator
  • comentários

Na tarde desta terça-feira (13), no Sambódromo do Anhembi, em São Paulo, a Acadêmicos do Tatuapé se consagrou como a grande bicampeã do Grupo Especial do Carnaval de São Paulo.

Tatuapé teve apresentação de destaque na noite dessa sexta-feira.
Tatuapé teve apresentação de destaque na noite dessa sexta-feira.
Foto: REUTERS/Paulo Whitaker

A Acadêmicos do Tatuapé ficou no empate com as escolas de samba Mocidade Alegre, Mancha Verde e Tom Maior, com 270 pontos, mas abocanhou o título de bicampeã no quesito de desempate Mestre-sala e Porta-bandeira. 

A Independente Tricolor foi rebaixada para a divisão de Acesso do Carnaval de São Paulo. A agremiação somou 267.7 pontos e foi a última colocada. Foi a primeira vez que a escola oriunda de um torcida do São Paulo disputou a elite. Com 268.4, a Unidos de Peruche também caiu. 

Mostrando que não estava disposta perder a chance de conquistar o bicampeonato, a escola entrou na Avenida e não decepcionou. Com o samba-enredo “Maranhão: os tambores vão ecoar na terra da encantaria”, em uma ideia com carnavalesco Wagner Santos e interpretado por Celsinho Mody. A rainha da bateria, Andreia Capitulina, mostrou competência para comandar a batucada e até mesmo “apagões”, para que a escola cantasse o samba-enredo. Elementos do estado nordestino enriqueceram a apresentação. O tempo de apresentação foi de 1h03.

Em Em 1952, com o nome Unidos da Vila Izabel, surgiu a Tatuapé, que chegou ao terceiro lugar no Carnaval de 1969 e 1970, mas em 1986 encerrou as atividades por cinco anos. Em 1991, a escola iniciou um processo de resgate que incluiu a sucessiva promoção pelos diversos grupos do Carnaval até retornar ao Grupo Especial em 2004. Caiu em 2006 e retornou à elite em 2013 para permanecer de vez.

No ano de 2017, a agremiação havia vencido o Carnaval paulistano com o enredo 'Mãe África Conta a Sua História: do Berço Sagrado da Humanidade à Abençoada Terra do Ouro'.

A campeã do Carnaval da capital paulista deste ano e as outras seis melhores escolas de samba –, Mocidade Alegre, Mancha Verde, Tom Maior, Dragões da Real e Império da Casa Verde, junto com a campeã e vice do Grupo de Acesso - voltarão ao Anhembi, na Zona Norte da cidade, na sexta-feira (16) e madrugada deste sábado (17), para o Desfile das Campeãs.

Veja como ficou o resultado do Carnaval 2018:


(bicampeã) Acadêmicos do Tatuapé: 270.0
Mocidade Alegre: 270.0
 Mancha Verde: 270.0
Tom Maior: 270.0
Dragões da Real: 269.9
Império de Casa Verde: 269.7
Gaviões da Fiel: 269.6
Rosas de Ouro: 269.6
Vila Maria: 269.5
10° Vai-Vai: 269.3
11° X-9 Paulistana: 268.9
12° (rebaixada) Unidos do Peruche: 268.4
13° (rebaixada) Independente Tricolor: 267.7

 

 

Fonte: Equipe portal

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade