4 eventos ao vivo

Quem é a poeta Amanda Gorman, destaque da posse de Biden

Jovem de 22 anos é conhecida por ativismo social

20 jan 2021
16h21
atualizado às 16h27
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Entre os políticos e astros que se apresentaram durante a posse do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e da vice, Kamala Harris, nesta quarta-feira (20) uma presença chamou a atenção: a poeta Amanda Gorman, de apenas 22 anos, que se tornou a mais jovem escritora a recitar um poema durante uma posse presidencial.

Conhecida por seu ativismo social e um talento nato na literatura, Gorman declamou "The hill we climb" ("A colina que escalamos", em tradução livre) e colocou em um poema a divisão vista nos Estados Unidos por conta da polarização política - citando, inclusive, a invasão do Capitólio no dia 6 de janeiro.

Nascida em 1998 na cidade de Los Angeles, Gorman deixou emocionados alguns dos participantes que estavam na posse e mostrou bastante desenvoltura na mais importante cerimônia política do país.

A poeta é formada em Sociologia pela Universidade de Harvard e foi a mais jovem a receber um dos mais importantes prêmios literários dos EUA, o National Youth Poet Laureate, aos 16 anos.

Negra, filha de mãe solteira, Gorman usa suas redes sociais e também as emissoras de televisão norte-americana para divulgar seu trabalho. Ela escreve poemas e textos desde a infância e segundo já contou decidiu escrever porque tinha um problema na fala quando criança.

A escolha pela jovem foi feita pela primeira-dama, Jill Biden, que acompanhava a carreira dela e, recentemente, acompanhou uma apresentação na Livraria do Congresso. Para 2021, Gorman pretende lançar um livro com o poema lido na posse e um outro chamado de "Change Sings". .
   

Veja também:

O chef premiado que valoriza peixes considerados menos nobres
Ansa - Brasil   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade