PUBLICIDADE

Tecnologia e Soluções

Patrocínio Logo do patrocinador

3 motivos para implementar já o low-code na sua empresa

Processos simples e flexíveis se tornam tendência para fidelizar consumidores

13 set 2023 - 06h20
Compartilhar
Exibir comentários
David de Freitas Neto elenca motivos para as empresas implementarem o low-code
David de Freitas Neto elenca motivos para as empresas implementarem o low-code
Foto: Higor Barreto / Divulgação

Atualmente, empresas que não investem em serviços digitais, acabam perdendo espaço no mercado competitivo, diminuindo, assim, a captação de novos clientes.  Para maximizar a eficiência de um negócio e promover experiências digitais otimizadas e personalizadas para os clientes, é preciso implementar tecnologias e ferramentas que possam contribuir para serviços de qualidade e eficientes.

De acordo com pesquisa realizada pela empresa de consultoria Gartner, mais de 65% de todos os desenvolvimentos de aplicativos e soluções de negócios serão realizados a partir de plataformas low-code até 2024.

As experiências do cliente desenvolvidas com plataformas low-code têm a vantagem de permitir a criação de interfaces do usuário otimizadas, além da capacidade de integração com seus sistemas existentes e o potencial de melhorar a satisfação, retenção e receita do cliente.

“Pela sua flexibilidade, versatilidade e personalização, plataformas low-code  permitem que as empresas criem aplicativos de processos de maneira ágil e  customizada, sem a necessidade de ter um especialista em programação de códigos, o que traz resultados com alto custo benefício em curto prazo para o negócio, além de promover experiências mais assertivas para seus clientes”, aponta David de Freitas Neto, cofundador e Enterprise Sales Executive da Zeev, empresa de desenvolvimento e fornecimento de softwares com tecnologia low-code. 

Ele elencou três motivos para as empresas implementarem o low-code e otimizar a experiência digital do cliente.

1. Fidelização do cliente

"As plataformas low-code permitem que as empresas se adéquem rapidamente as mudanças do mercado ou as necessidades dos seus clientes. Ao melhorar a experiência do usuário, os impactos são mais positivos para a organização, garantindo a fidelização do cliente, o que contribui para o desenvolvimento e crescimento dos negócios", diz David.

2. Criação de aplicações

"Com o low-code, é possível criar aplicativos ou softwares rapidamente, reutilizar interfaces e adaptar a funcionalidades com experiências específicas para usuários internos e externos. Além disso, as aplicações criadas com low-code também podem ter um melhor custo-benefício e podem ajudar as organizações a adicionar novos fluxos de receita."

3. Maior produtividade e desenvolvimento acelerado

Por meio das plataformas low-code, o tempo de desenvolvimento deixa de ser uma barreira. Isso porque elas permitem que as necessidades dos usuários sejam atendidas de forma mais rápida e eficiente. Com isso, mais soluções podem ser desenvolvidas em menos tempo, visto que o low-code não exige  grande complexidade que envolve a construção de aplicativos baseados em codificação..

“Este tipo de solução consegue rapidamente resolver algumas das principais dores de diferentes setores. É possível ver que a aplicação do low-code tem contribuído diretamente para transformar e evoluir os negócios, além de melhorar a experiência do consumidor. O cliente é um pilar essencial para uma empresa, e é fundamental atender às suas necessidades com serviços organizados e eficientes”, finaliza David.

(*) HOMEWORK inspira transformação no mundo do trabalho, nos negócios, na sociedade. É criação da Compasso, agência de conteúdo e conexão.

Homework Homework
Compartilhar
Publicidade
Publicidade